TVI

Francisco Côrte-Real não tem “química” com Joana Duarte

Morangos com Açúcar, Olhos nos Olhos e Meu Amor foram três das tramas em que os dois actores foram par romântico. E parece que não há três sem quatro e a partir de amanhã o público português voltará a vê-los dar vida a um casalinho.

Em Anjo Meu, Francisco Côrte-Real e Joana Duarte são Duarte Vilhena e Teresa Girão, respectivamente. Dois jovens apaixonados que lutam pelo amor um do outro. Todavia, e tal como já o fez no passado, o actor volta a demonstrar descontentamento por contracenar novamente, enquanto par romântico, com a colega.

“Quando soubemos, telefonámos para a nossa agência e perguntámos se não havia forma de alterar isso, mas depois percebemos que já estava decidido. Não temos problemas em trabalhar juntos, porque nos damos bem, mas víamos com bons olhos trabalhar com outras pessoas”, começa por dizer Francisco Côrte-Real à edição desta semana da revista Maria.

E não se pense que é algum problema pessoal que faz com que tenham esta atitude. Segundo o jovem actor, já não existe química entre ambos: “Nós temos uma relação de grande amizade. Para mim, ela é como se fosse um rapaz e tenho a certeza de que ela também me vê da mesma maneira. Já nos conhecemos demasiado bem. Não há a tal química”, acrescentou.

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close