TVI

Diana Monteiro: Personagem em «Mundo ao Contrário» é um «bombom» da Plural e da TVI

Diana monteiro

Diana monteiro

Diana Monteiro é atriz e cantora e mais recentemente foi uma das concorrentes do programa de imitações, A Tua Cara Não Me É Estranha. Um programa que  a cantora crê que lhe impulsionará a carreira. «Acredito que sim, pois é um formato que valoriza os artistas. Além disso, ajuda a quebrar ideias pré-concebidas e acho que foi o que aconteceu comigo. O público não tinha muita noção daquilo que eu era capaz como cantora», contou em entrevista à revista Flash!.

«Sempre tive trabalho e o que fazia antes do programa continuo a fazer. Exemplo disso é o meu programa na TVI Guest List, tal como o meu disco com o selo da Sony Music. Nada disto é uma consequência do programa. A única coisa que poderá ser resultado do programa, embora já tivesse sido sondada anteriormente, é a proposta da Plural para participar em Mundo ao Contrário. Mas a questão aqui é que temos de trabalhar sempre e não ficar à espera que as propostas surjam do nada. Não nos podemos sentar à sombra da bananeira», explicou a atriz de 29 anos.

Diana Monteiro vai ser Mariana em Mundo ao Contrário, onde a atriz vai vestir a pele de uma prostituta, mas cujo destino ainda não está traçado. «Ainda não está muito bem definida, mas em princípio não será até ao final. É um bombom que a Plural e a TVI me deram. Tenho consciência de que ainda tenho muito que provar e um longo caminho pela frente.Acho é que esta é uma oportunidade para mostrar o que posso fazer».

Sobre as declarações da antiga companheira da banda Just Girls, que A Televisão noticiou, a apresentadora responde: «Admito que as declarações da Helga Posser não me agradaram e magoaram-me, a mim e também à Ana e à Kiara. Ficámos magoadas porque não houve só coisas más, também há momentos especiais que fazem parte dessa fase. A minha política, no entanto, é não falar das minhas colegas. É uma questão de respeito».

Na entrevista à publicação do Grupo Cofina, a jovem aproveitou ainda para esclarecer a polémica com a loja de roupa que a vestia para a Galas do programa apresentado por Manuel Luís Goucha e Cristina Ferreira, conforme adiantado pel’ aTV. «Quando comecei a trabalhar com o Nuno Lago (produtor de moda) já tinha, e continuo a ter, um stylist que sempre me facilitou roupas de variadíssimas marcas. Só que o Nuno Lago é uma pessoa difícil de trabalhar, além de ser mal-educado. Exigia que fosse eu pessoalmente, e não o meu agente, a entregar a roupa. Ora, devido aos meus compromissos profissionais, nem sempre o podia fazer no prazo fixado por ele. Foi isto que se passou e mais nada. Nunca fiquei com nada dele nem de ninguém. Tudo o que ele disse é uma mentira», finalizou.

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close