SIC

VC Filmes poderá produzir “Sá e Snu” para a SIC

Depois de “A Vida Privada de Salazar”, que estreou no passado domingo e terminou na segunda-feira (e que irá para o cinema, na versão filme, em Abril), a SIC pondera agora produzir em filme e em minissérie a vida privada de Francisco Sá Carneiro e a sua paixão pela nórdica Snu Abecassis.

A produtora de Manuel Fonseca, que assina “A Vida Privada de Salazar”, para a SIC, e “Amália”, para a RTP 1, já manifestou a intenção de criar três novos telefilmes para a SIC. O acordo entre a VC Filmes e a estação de Carnaxide é até 2010 e esse acordo pressupõe a produção de mais trabalhos sobre figuras históricas. Um deles deverá centrar-se no antigo primeiro-ministro e líder da Aliança Democrática (AD), que morreu tragicamente a 4 de Dezembro de 1980.

Segundo o jornal “Correio da Manhã”, o projecto foi idealizado em 2002 e foi desenvolvido pela SIC Filmes com o nome ‘Sá e Snu’.

Em relação aos acontecimentos históricos que envolvem a figura de Sá Carneiro, o mesmo jornal escreve que “A figura carismática de Francisco Sá Carneiro e a sua morte precoce, a bordo de um avião Cessna, ao lado de Snu Abecassis e do então ministro da Defesa, Adelino Amaro da Costa, inspiraram muita discussão. Mas a mais apaixonada foi sempre sobre a sua vida privada. Francisco Sá Carneiro era casado com Isabel, nascida numa família tradicional do Porto, de quem teve cinco filhos, quando se apaixonou por Snu Abecassis. Nascida na Dinamarca, Ebbe Merete (conhecida por Snu) cresceu na Suécia e veio para Portugal após o casamento com Vasco Abecassis, onde fundou a editora D. Quixote.”.

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close