Resumos SIC

“Rosa Fogo” resumo de 13 a 19 de fevereiro (com fotografias)

Rosa Fogo

104º Episódio

Lara, muto nervosa, ameaça José, dizendo que vai à polícia se ele não lhe disser o que aconteceu ao marido. O vilão garante ser muito amigo de Horácio, prometendo ajudar Lara a encontrá-lo. Para a sossegar e evitar um escândalo na festa da Forella, diz que trará Javier para Portugal. José dá algum dinheiro a Lara, para que alugue um quarto e escreve num papel o endereço onde ela deverá procurá-lo no dia seguinte.

Estêvão procura Maria no sótão, mas a conversa é interrompida por Diogo que se mostra irritado por ver o rival ali. Estêvão sai ignorando-o, enquanto Maria avisa o ex-noivo de que não quer confusões.

Samuel brinca com João Nuno, incentivando-o a tirar uma miniatura da bandeja que Glória transporta, na festa da empresa de cosméticos. Mais tarde, João Nuno e Glória não resistem a envolver-se na cozinha das Mayer, fazendo piscar as luzes da mansão. Alberto acaba com a pouca vergonha, perante a aflição do casal.

Eduarda bebe demasiado e não consegue discursar perante os convidados da festa. Estêvão e Amélie ajudam-na, enquanto José observa tudo de longe e furioso. Gilda, escondida, assiste a esse curto momento e volta a refugiar-se no quarto.

No rescaldo da festa, Diogo beija Maria. Estêvão presencia o momento e pede satisfações. A bailarina é obrigada a evitar mais uma briga entre os dois homens que a disputam constantemente. Diogo é forçado por ela a afastar-se, mas Estêvão é mais persistente e, depois de uma conversa tensa sobre o que cada um pretende da vida, beija Maria, fervorosamente. Diogo assiste a tudo, escondido, virando a cara para melhor conter a sua fúria.

Ao mesmo tempo, Catarina sonha que transporta no seu ventre um filho de Estêvão. De manhã, quando acorda, fá-lo decidida a prender Estêvão, com uma gravidez. Mais decidida fica quando o ouve relatar a Teresa a noite que teve com Maria, dizendo que desistirá dela se a bailarina não ficar com ele para sempre.

Diogo sofre com o envolvimento de Maria com Estêvão e combina um encontro, pretendendo afogar as mágoas. Agostinho ainda o apanha em casa e estranha o seu comportamento amargo.

De manhã, quando regressa a casa, Diogo depara-se com Maria que fica atónita com o seu aspecto deplorável.

José arrasta Eduarda para a cozinha da mansão e obriga-a, com violência, a beber água para curar a bebedeira.

Sem perceber o logro em que está a cair, Ambrósio vende a barbearia a Victor, que lhe aparece disfarçado. Feliz pela concretização do negócio, com um comprador de confiança, Ambrósio desfruta o momento junto de Alzira, que lhe dá os parabéns, convidando-o para um passeio. Já Victor não perde tempo e convoca, ainda disfarçado, Aida e Cármen para uma entrevista de trabalho na barbearia.

Glória, confrontada por Alberto sobre o momento intimo que teve com João Nuno, entra em negação e assume que só tem, a partir de agora, olhos para Samuel. João Nuno fica magoado pela forma brusca com que ela passa a tratá-lo, enquanto Samuel estranha o comportamento da prima.

José recebe uma carta, em que alguém lhe exige que pague o dinheiro que, em tempos roubou. O vilão descarrega a sua raiva em Eduarda que, ressacada, se prepara para mais um dia de trabalho na Forella. (conclusão)

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close