SIC

“Rosa Fogo” ‘não é uma história depressiva’

Foi durante a manhã desta segunda-feira que a televisão de Carnaxide apresentou à imprensa a nova trama de Patrícia Müller. Com um elenco de luxo, recheado de caras bem conhecidas dos portugueses, de algumas produções do próprio canal e outras vindas da concorrência, esta nova história promete seguir o “caminho” de Laços de Sangue.

“Temos todas as condições para fazer uma novela tão boa ou melhor do que Laços de Sangue“, disse o diretor-geral da SIC ao Diário de Notícias, acrescentando que esta “Não é uma história depressiva.”

Já Patrícia Müller, a autora, deu algumas indicações sobre a trama que escreveu: “É uma história de uma família de mulheres que fica abalada por um acontecimento importante. Vai abordar o universo da dança e, por isso, a novela vai arrancar em Buenos Aires”.

Com nomes como Lídia Franco, Irene Cruz, Maria Emília Correia, Manuel Cavaco, Rogério Samora num elenco liderado pelo trio de protagonistas: Cláudia Vieira, Ângelo Rodrigues e José Fidalgo, a argumentista confessa: “Temos um grande elenco” numa história em que “vai ser retratado o Portugal dos portugueses, neste momento”.

É já a partir de meados de setembro que os portugueses poderão ver o resultado de todo o trabalho em Rosa Fogo.

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close