SIC

Pedro Miguel Ramos conduz ‘Tá a Gravar!’

Pedro Ribeiro foi impedido pelo grupo da TVI de apresentar a nova aposta de Nuno Santos, mas o co-apresentador do ‘Big Brother’ surgiu como uma “excelente opção”. Há muito longe do ecrã, e a acompanhar a mulher, Fernanda Serrano, no combate ao cancro da mama, volta agora à SIC.

Programa passará às quartas, quintas e sextas-feiras

O mentor da marca de sucesso Amo-te… vai ser o parceiro de Carolina Patrocínio na apresentação e condução do programa Tá a Gravar!, que a SIC estreia esta quarta-feira, a seguir ao Jornal da Noite.

O nome de Pedro Miguel Ramos surge depois de Pedro Ribeiro, director de Programas da Rádio Comercial, ter sido impedido pela administração da Media Capital (propriedade dos espanhóis da Prisa) de assumir a apresentação do mesmo programa da SIC, ao lado da ex-apresentadora do programa infantil Disney Kids Carolina Patrocínio.

A Media Capital é dona, além de outras rádios como o Rádio Clube Português ou Cidade, da estação de televisão TVI, concorrente da estação de Carnaxide. E os administradores do grupo parecem não terem gostado do convite de Nuno Santos, director de Programas da SIC, mesmo depois de este profissional já ter colaborado com a estação em projectos anteriores, de que é exemplo Conversas Ribeirinhas, na SIC Radical, em 2005.

Isto mesmo ainda depois de Pedro Ribeiro ter sido convidado e logo desconvidado para apresentar o novo formato da TVI Caia Quem Caia.

O regresso à TV com a SIC

“Pedro Miguel Ramos é um óptimo profissional, com uma larga experiência e que esteve tempo de mais afastado da televisão”, pelo que a opção pelo seu nome é “excelente, coerente e válida”, defendeu ao DN Daniel Oliveira.

O coordenador da área de entretenimento nacional da SIC lembrou ainda que Pedro Miguel Ramos trabalhou durante dois anos na Informação da SIC, enquanto estagiário, pelo que esta “é uma casa que não lhe é estranha”, além de que “o programa tem um registo em que ele “pode ser um complemento”.

Com emissão marcada para as quartas, quintas e sextas-feiras, a seguir ao Jornal da Noite, Tá a Gravar!, que terá uma duração entre 30 a 45 minutos, é um programa de vídeos caseiros que mistura, numa primeira fase, filmes e fotos de situações reais internacionais, e, depois da adesão do público português, situações curiosas ocorridas no nosso país.

Salientando que “não se trata de um programa de apanhados nem tão-pouco de imagens forjadas”, mas de situações reais que “foram captadas por uma máquina que por acaso estava lá”, Daniel Oliveira explica que irá também ser dada grande atenção à fonte Internet, nomeadamente ao YouTube. “Interessa-nos, por exemplo, os vídeos e curiosidades que circulam na Internet dentro de um grupo relativamente vasto de pessoas, mas que nunca foram tornados públicos”, disse Daniel Oliveira.

A Pedro Miguel Ramos e Carolina Patrocínio compete apresentar, em conjunto, estas situações, que algumas vezes “podem ser mais impressionantes”, segundo Daniel Oliveira, mas sem se confundir com um formato anterior apresentado por Artur Albarran, O Mundo É Pequeno”, muito marcado pelo “horror, a tragédia…”. Aqui, a graça e o humor são os protagonistas.

Apesar de estarem em estúdio, os apresentadores podem ir, caso surja um vídeo que assim o justifique, falar com um os protagonistas envolvidos.

Esta é mais uma aposta de Nuno Santos para o prime time da SIC, estação que fechou pelo segundo mês consecutivo em 3.º lugar nas audiências, mas que recentemente sentiu os ventos de mudança com a nomeação de Luís Marques e não só…

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close