SIC

Pedro Lopes defende-se de críticas de semelhanças com «Avenida Brasil»

Dancin Days Logo Final

Dancin Days Logo Final

Em Dancin’ Days Miguel, papel vivido por Pêpê Rapazote, é um homem cuja história é semelhante à de Cadinho, a popular personagem de Avenida Brasil, também exibida na SIC. À semelhança de Cadinho, também Miguel tem um relacionamento com duas mulheres em simultâneo, com ambas a estarem cientes desse facto a aceitarem dividir as atenções do galã.

Contudo, Pedro Lopes, o autor do remake da SIC, defende-se à NotíciasTV dizendo que «a única comparação que se pode fazer é referente às mulheres das duas novelas. Nos dois casos é invertida a imagem das mulheres nas relações. As mulheres surgem como dominadoras».

Deste modo, Pedro Lopes diz que «Miguel não é uma cópia nem idêntico ao Cadinho» e justifica dizendo que «no caso do Miguel há um jogo romântico».

Também Pêpê Rapazote concorda com Pedro Lopes, tendo mesmo referido que «não se trata de poligamia porque não há casamentos. Ele é o exemplo de homem que jogou com duas mulheres que eram areia de mais para a sua camioneta. Ele achou que ia viver um sonho e acabou a viver um pesadelo».

  • Pedro R.

    Na televisão, nada se cria, tudo se copia, já dizia o apresentador brasileiro Chacrinha. O próprio Cadinho é baseado, acho, na personagem de Paulo Autran, em Sassaricando. A própria novela das 9 actual, Amor à Vida, tem várias semelhanças a Avenida Brasil: tem um vilão memorável, uma “piriguete”… O Pedro Lopes já mostrou que é um bom autor.

  • Leslie

    Até parece que uma história nesses moldes apareceu pela primeira vez na teledramaturgia mundial em “Avenida Brasil”. Parece que por aqui se acredita que a originalidade nasce nas novelas da Globo, qualquer coisinha minimamente parecida com uma novela brasileira é logo chamada de plágio, haja paciência!

    O mais engraçado é que no Brasil várias novelas da Globo também são acusadas de plágio de séries norte-americanas (incluindo “Avenida Brasil” em relação a “Revenge”)

  • Filipe

    A história do homem que vive vida dupla com duas ou mais mulheres ou famílias é das fórmulas mais gastas no mundo da teledramaturgia.

    Ao autor (ou autores) desta crítica, lamento dizer mas, percebem muito pouco de telenovelas, é que nem é preciso ver muitas…

  • azucarr

    Aliás esta história de Avenida Brasil é cópia de uma outra de uma novela brasileira, Roda de Fogo em que a personagem de Osmar Prado vive uma vida dupla com duas mulheres e até acaba por aparecer uma terceira… e tal como em avenida brasil é um núcleo cómico. logo se há plágio é Avenida Brasil. Mas isso também não desculpa os autores portugueses, até porque Dancin Days é uma manta de retalhos de histórias plagiadas… assim como as novelas todas do Barreira.

  • slb_nun

    Isto nem sequer é novo nas novelas do Pedro Lopes…..em Perfeito Coração a personagem do João Ricardo era casado com duas mulheres interpretadas por Ana Nave e Sofia sá da Bandeira

  • Elizabeth Resendiz

    A verdade Tenho recomendado ver novlea mas devido ao tempo de não ter prestado atenção Eu preciso entender 100%. O que eu posso ver é uma série fins de semana e em 24 de maio vai ver um chamado Magnificent 70 da HBO . Foi gravado no Rio de Janeiro.

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close