SIC

‹‹O Regresso A Casa De Um Bebé Raptado›› no próximo ‹‹Perdidos e Achados››

PERDIDOS E ACHADOS

PERDIDOS E ACHADOS

No dia 17 de Julho de 2002, Tiago André foi raptado no hospital de Guimarães. O pesadelo dos pais, Maria Emília e José Luís, começou depois de uma mulher com cerca de 25 anos iniciar uma conversa com a mãe do bebé no quarto do hospital, onde estava a recuperar dum parto difícil.

A aflição durou quatro dias. Quatro longos dias sem que se soubesse do menino.

A tristeza deu lugar à festa, quando o bebé apareceu a cerca de cinco quilómetros do hospital, no santuário da Senhora da Penha. Os pais não tiveram dúvidas no momento em que viram o bebé. O Tiago André estava de regresso a casa, a Atei, em Mondim de Basto.

Dez anos depois fomos encontrar a família a viver no mesmo local. Até que ponto o rapto terá deixado marcas na vida destas pessoas?

Para ver amanhã, no ‹‹Jornal da Noite››

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close