SIC

José Fidalgo regressa a “Rosa Fogo” de cadeira de rodas

Com a sua lesão na novela da estação de Carnaxide, o rumo da personagem de José Fidalgo em Rosa Fogo sofrerá um novo resumo.

Segundo a TV Guia desta semana, Diogo será atirado ao mar e regressar, inesperadamente, em cadeira de rodas. “Para que os trabalhos não fossem prejudicados vai-se fazer uma cena em que José [Rogério Samora] atira o Diogo ao mar, depois deste não o ajudar numa tentativa de assassinato de Maria [Cláudia Vieira]. Primeiro, ele vai ser dado como morto e depois, quando voltar, sendo Maria  a descobri-lo, estará muito fraco e de cadeira de rodas. Vai ser ela a ajudá-lo a recuperar, o que ainda vai deixar a relação dela com Estevão [Ângelo Rodrigues] em pior estado”, explicou Patrícia Muller, a autora da produção da SIC.

Desta forma, José Fidalgo poderá ficar em casa a descansar e a recuperar deste acidente de trabalho: “O Zé pode assim ficar em casa a recuperar durante as festas e depois voltar”.