SIC

Irmã de Luciana Abreu chumbada no casting de “Ídolos”

Foi no programa em que a irmã se deu a conhecer ao grande público que Luísa Abreu tentou a sua sorte e manteve firme a esperança de perseguir o sonho de se tornar uma “estrelinha”. Contudo, nem tudo correu bem e a jovem sentiu-se mesmo arrasada pelo júri, acusa, em declarações à TV Guia desta semana.

“Mal entrei na sala, o Manuel Moura dos Santos atacou-me logo de rajada. Fiquei logo desorientada com os comentários dele… Foi uma falta de educação e ética!”, começa por dizer a irmã de Luciana Abreu acrescentando que não vai desistir do seu sonho: “Pensei que ia ser avaliada pelo meu talento e fui julgada por calúnias da minha vida privada. Croma não sou, mas foi a primeira e última vez que participei no Ídolos. Tenho talento e não vou desistir dos meus sonhos”.

Confrontado com estas acusações, o presidente do júri foi perentório e defendeu-se: “Ela teve as oportunidades todas, puxámos por ela, tentámos ajudar e até a deixámos ir beber água. Mas ela nem a canção das Doce, o Bem Bom, sabia cantar”, recordou Manuel Moura dos Santos, acrescentando: “Ela só nos disse que cantou nas Docemania, mas uma cantora profissional não sabe cantar! Ela foi muito fraca no casting e não conseguiu cantar música nenhuma. Ela não é cantora! As imagens provam isso…”

Já Helena Coelho, agente das Docemania, também lançou algumas críticas à antiga agenciada: “Não fico surpreendida. É a prova de que ela não é bailarina, nem cantora. Se ela não cantasse com as outras raparigas da banda, era o descalabro”, frisou a cantora.

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close