SIC

Dânia Neto: «”Sol de Inverno” vai revolucionar a ficção»

Dânia Neto antes de mudar de visual para viver «Benedita» de «Ambição».
Dânia Neto antes de mudar de visual para viver «Benedita» de «Ambição».
Dânia Neto antes de mudar de visual para viver «Benedita» de «Ambição».
Dânia Neto, antes de mudar de visual para viver Benedita de Sol de Inverno

Com 30 anos, Dânia Neto vai integrar o elenco da próxima novela portuguesa da SIC, Sol de Inverno, num papel que a atriz diz estar a gostar, principalmente devido ao seu registo «mais sério», contrariamente ao que tem feito até agora. A «sensual» secretaria Benedita será amante de Eduardo (Diogo Morgado), um homem casado, mas não será, segundo a atriz, uma «personagem má». Apenas será um mulher «que vai reagindo à medida que a vida vai avançando», disse Dânia em entrevista ao Correio TV.

Quando questionada sobre o poder da novela face ao público, a atriz não deixou margem para dúvidas nas suas palavras e disse que «vai revolucionar a ficção» portuguesa, pelas «suas melhorias técnicas, pela sua qualidade (…) A realização parece cinema», conta.

Para além de dar, atualmente, cartas na estação de Carnaxide, Dânia Neto deu os seus primeiros passos na TVI (onde gravou, no ano passado, a série O Bairro, ainda não emitida pelo canal), mais propriamente em Morangos Com Açúcar que foi o trabalho de onde Dânia diz ter «melhores recordações», «Morangos Com Açúcar teve um efeito muito especial em mim. Era uma série juvenil, tínhamos todos a mesma idade, e tive a oportunidade de viajar durante as gravações. Foi uma experiência fantástica». Mas, no que diz respeito ao «ponto alto dos últimos dez anos», a atriz lança o nome da novela de sucesso da SIC, Laços de Sangue – «Nada me marcou tanto como aquela novela».

Quanto a Sol de Inverno, será possível ver o trabalho da atriz já no próximo dia 16, segunda-feira, sendo que o A Televisão já lhe revelou o que vai poder ver na primeira semana desta produção da SIC.

  • Pedro M

    Cada vez que uma santa novela estreia, eles desatam a dizer que ” vai revolucionar a ficção ” ” depois disto, o conceito de novela nunca mais vai ser igual ” Depois acaba por vir tudo do mesmo. Podem ser boas novelas, mas ainda não vi nenhuma que revolucionasse assim tanto .

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close