SIC

Camilo de Oliveira: “Na SIC pagavam mal aos atores”

As críticas do conhecido humorista ao canal de Carnaxide continuam. Desta vez, em entrevista à Correio TV, Camilo de Oliveira volta a falar sobre o seu último programa na SIC, Camilo, o Presidente e lança farpas à forma como foi tratado.

“Dei-me muito mal com este trabalho. Tinha exclusividade e não podia dizer que não. Na SIC prometeram-me muita coisa, mas depois faltou o dinheiro. Pagavam mal aos atores. Costumo selecionar o elenco e só escolho bons profissionais. Como não havia muito dinheiro para cachets, acabei por ficar mal servido. Mesmo assim, a SIC fez muitos terceiros lugares com esta série”, recorda.

Quanto aos textos de Camilo, o Presidente, o ator garante que eram bons. “Até gostei. Tinha pernas para andar, mas os autores tinham pouca experiência e havia algumas ideias que, apesar de engraçadas, eram difíceis de concretizar por falta de dinheiro. Mesmo assim, ainda fiz 38 programas”, explica.

Apesar de tudo, Camilo de Oliveira garante que este foi o contrato que mais dinheiro lhe rendeu. “É verdade. Este contrato era sensacional. Foi o melhor contrato que fiz. Ainda hoje vivo graças a ele. Ganhava X, gastava Y e ainda poupava. E com o dinheiro que ganhei fiz bem a muita gente”, finalizou.

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close