SIC TVI

Teresa Guilherme e Júlia Pinheiro: a “guerra” continua


O clima entre as duas apresentadoras vai de mal a pior. Depois de a eterna “senhora reality-shows” lançar farpas à colega de trabalho, Júlia Pinheiro reagiu, ainda que sem entrar em muitas polémicas, dizendo que a sucessora em Secret Story deve estar com um “problema de menopausa” e a “marcar território”.

Confrontada com estes comentários pela edição desta semana da revista Notícias TV, Teresa Guilherme não se conteve: “Quem deve estar com a menopausa é ela. 48 anos? Pois, talvez”, começa por dizer, acrescentando que “É muito chato e indelicado falar da menopausa como se fosse uma doença. Dá a entender que as mulheres quando entram na menopausa ficam loucas ou deixam de saber aquilo que fazem ou dizem”.

Mas a anfitriã da segunda temporada de Casa dos Segredos foi ainda mais longe e voltou a lançar farpas a Júlia Pinheiro: “Marcar território? (risos) Não sou eu quem faz 14% de share nas manhãs”, atirou, acrescentando: “Já marquei o meu território na televisão portuguesa há muito tempo. O meu nome está associado a programas como Big Broter (TVI), Não Se Esqueça da Escova de Dentes (SIC), Momento da Verdade (SIC), entre muitos outros”.

E Júlia Pinheiro não deu a cara por outros sucessos também? “Deixe-me pensar (pausa). Lembro-me dela das Noites Marcianas (SIC), Noite da Má-Língua (SIC) e das manhãs da SIC na altura em que faziam boas audiências”, atirou.

Apesar de todo este clima, Teresa Guilherme lamenta que a rival “apenas tenha lido os títulos das entrevistas”, até porque, “com tantos anos de experiência, ela já devia ter aprendido que os jornais e as revistas fazem títulos. Se calhar nem leu o interior das entrevistas, porque aquilo que eu disse foi retirado do contexto”.

A terminar, a cara da segunda temporada de Secret Story garantiu que ela e Júlia Pinheiro “têm uma relação profissional normal”, ressalvando, contudo que “nunca frequentaram” a casa uma da outra, até porque “Não tenho nada contra a Júlia, mas ela não faz nem nunca fez parte do meu dia-a-dia. Não está incluída nas minhas preocupações do passado, do presente nem do futuro”, concluiu.

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close