TDT - Top de Televisão

TDT – Top 10| Discursos nos «Globos de Ouro»

É já amanhã que vai para o ar a XVII Gala Globos de Ouro e, como não podia deixar de ser, o TDT – Top de Televisão não deixou escapar este acontecimento.

Assim, hoje apresentamos-lhe dez dos melhores discursos que já passaram, quer pelo palco do Coliseu dos Recreios, quer pelo Campo Pequeno, onde se realizou uma das edições do certame.

Estes são apenas dez dos inúmeros discursos que por lá já foram feitos. A escolha foi complicada, até porque muitas das ideias foram chumbadas devido à indisponibilidade dos vídeos dos mesmos.

[youtube www.youtube.com/watch?v=5u62smu3kXE]

Foi na cerimónia referente ao ano de 2004, a última que atribuiu prémios na categoria de televisão, que Alexandra Lencastre conquistou o Globo de Ouro para Melhor Atriz de Ficção e Comédia, com a personagem Ana, da série Ana e os 7.

Ao subir ao palco, a atriz foi intercalada por Herman José que a atirou ao chão, protagonizando um dos momentos mais inesquecíveis dos Globos de Ouro. Já quando se preparava para discursar, Alexandra Lencastre foi literalmente “roubada” pelo apresentador e não teve tempo para fazer o discurso que teria idealizado.

A plateia não conteve o riso.

[youtube www.youtube.com/watch?v=GQumBi4QUwI]

Foi durante a edição do ano passado, referente a 2010, que Luís Borges subiu ao palco do Coliseu dos Recreios para receber o Globo de Ouro de Melhor Modelo Masculino. No discurso emocionado, o manequim falou sobre os tempos em que ninguém nele apostava e da forma como se tornou num dos melhores modelos portugueses a atuar no estrangeiro.

A terminar, Luís Borges dedicou o prémio ao marido, Eduardo Beauté, o que levou a um grande aplauso por parte da plateia. Um dos momentos da XVI Gala Globos de Ouro.

[youtube www.youtube.com/watch?v=tXypXNl2cRo]

Em 2007, na cerimónia referente a 2006, a primeira e única que decorreu no Campo Pequeno, Francisco Penin, então diretor de programas da SIC, decidiu inovar e criou três prémios especiais. Um deles foi entregue a Fátima Lopes.

O público votou em massa e a actual cara de A Tarde é Sua subiu ao palco para receber o Globo de Ouro de Heroína. No momento do discurso, a apresentadora deixou claro que não se sentia uma heroína, mas que o seu público e os seus convidados, sim, são os seus heróis.

[youtube www.youtube.com/watch?v=HOCHwwd7SXM]

Estávamos em 2008, no regresso dos Globos ao Coliseu dos Recreios, quando Jorge Palma foi agraciado com o Troféu de Melhor Interprte Individual. Ao subir ao palco, o músico protagonizou um dos discursos mais divertidos e simultaneamente surpreendentes.

Com a ajuda de Herman José, mais uma vez, que o levou do palco às cavalitas.

[youtube www.youtube.com/watch?v=OwkMCwYuuc0]

Em 2010, a SIC e a Caras decidiram criar uma nova categoria e desta feita o público foi juiz. Numa altura em que dava os primeiros passos da sua carreira internacional, Daniela Ruah superou o favorito João Manzarra e subiu ao palco para receber o Globo de Ouro revelação das mãos de Manoel de Oliveira.

Feliz e visivelmente emocionada, a atriz admitiu que não tinha um discurso planeado e, como é habitual nestas situações, dedicou o prémio aos familiares e a todos os portugueses que a seguem nesta aventura internacional.

[youtube www.youtube.com/watch?v=RTw6TxIirks]

Levou para casa diversos troféus quando ainda havia categoria de televisão, mas foi em 2006 que o humorista levou para casa talvez o mais importante de todos os Globos.

Das mãos de Francisco Pinto Balsemão, Herman José recebeu o troféu de Mérito e Excelência e dedicou-o aos seus seguidores e familiares. Um discurso emotivo, com boa disposição à mistura.

[youtube www.youtube.com/watch?v=-z9sFdSXcNo]

Faleceu recentemente, mas antes de nos deixar, Artur Agostinho foi agraciado com um dos mais importantes Globos atribuídos pela SIC e pela revista Caras.

Estávamos em 2010, quando, já no final da longa gala, Francisco Pinto Balsemão chamou ao palco do Coliseu dos Recreios Artur Agostinho e lhe atribuiu o Globo de Ouro de Mérito e Excelência. Surpreendido e sem palavras, o ator não conteve a emoção no momento dos agradecimentos.

[youtube www.youtube.com/watch?v=z0bIn1emgpQ&feature=related]

Estávamos em 1998 quando, na terceira gala, o distinguido com o prémio de Mérito e Excelência foi aquele que é, nos dias que correm, uma das maiores inspirações para qualquer ator.

Ruy de Carvalho subiu ao palco do Coliseu de Lisboa e agradeceu, com a garra que lhe é característica, o prémio que acabara de receber. De então para cá, já voltou a receber mais globos, em outras categorias.

[youtube www.youtube.com/watch?v=y43YC8AmzkY&feature=related]

Estávamos na XIII Gala Globos de Ouro, já no final da emissão, quando Francisco Pinto Balsemão subiu ao palco do Coliseu de Lisboa e, ao lado de Bárbara Guimarães, chamou a personalidade a que atribuira o prémio Mérito e Excelência de então.

Com a plateia a aplaudir de pé, na sua simplicidade, Eunice Muñoz agradeceu. Sorriu e disse algumas palavras, com a alegria que a caracterizam.

[youtube www.youtube.com/watch?v=2DwtsS8Azdg&feature=related]

Ano de 2009, XIV Gala Globos de Ouro, Nuno Melo recebia o prémio de Melhor Ator de Cinema. Emocionado, o jovem ator chamou a palco alguém que muito admirava e decidiu entregar-lhe o prémio. Na altura, já estava a lutar contra o cancro.

António Feio não estava sequer nomeado, mas foi ele quem recebeu o Troféu e o levou para casa. Dias depois, a SIC e a Caras ofereciam outro Globo de Ouro a Nuno Melo. Mas nessa noite ficou provado que um simples gesto vale mais do que mil palavras. António Feio sorriu e agradeceu. Até ao seu pâncreas, que meses mais tarde lhe tirou o que de melhor tinha.

Momento alto, até hoje.

Este top foi sugerido pela nossa leitora, Fernanda Coelho.

(Seja o próximo a sugerir um top. Para tal, envie um e-mail para o autor da rubrica, ou então, publique no fórum no tópico do TDT – Top de Televisão. )

  • MA

    Confundiram o Nuno Melo com o Nuno Lopes…
    Para mim, os Globos sem a categoria de TV e sem o Herman não são a mesma coisa…

  • Marta

    Não seria Nuno Lopes ? =)

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close