O Melhor & Pior da Semana

O Melhor & Pior da Semana (15 a 21 de abril)

 

 

MELHOR DA SEMANA RTP1

Com uma RTP1 cada vez mais massacrada pela quebra do público mais idoso, à luz dos números da Gfk, o formato focado, curiosamente, para um público mais jovem (leiam-se, faixas etárias abaixo dos 55 anos) tem sido aquele que tem conseguido acarretar resultados mais constates à estação. Falo da nova aposta para o late-night, 5 Para a Meia-Noite. Desde que o programa migrou do canal 2 para o canal 1, os resultados não têm sido tão maus quanto isso. Com programas no horário nobre abaixo dos 10% de share, os 15% de share que grande parte das edições do programa tem feito não são nada maus, mesmo quando falamos de um horário de menor consumo.

PIOR DA SEMANA RTP1

E, de facto, a tarefa de 5 Para a Meia-Noite não podia ser mais difícil. O horário nobre da RTP, que já era frágil na Marktest, tem sido desde o início de março um autêntico caos. O exemplo mais recente? O Prós e Contras da última segunda-feira. O programa de Fátima Campos Ferreira obteve uma média na casa dos 8%(!) de quota de mercado. Foi, alias, menos visto do que a novela da hora de almoço, por exemplo. Com números destes, não há horário nobre que resista…

MELHOR DA SEMANA SIC

Na SIC, as últimas semanas têm sido de maior fulgor. A estação foi a única generalista a ganhar com a Gfk e, apesar de um day-time substancialmente fraco, na média diária a subida já foi suficiente para ultrapassar a, até agora, líder, TVI. A juntar a tudo isto, a transmissão dos jogos da Liga Europa tem sido a cereja no topo de bolo de Carnaxide.

Na passada quinta-feira, a estação de Carnaxide aproximou-se bastante do conjunto de canais do Cabo e gravações. Tudo isto devido ao jogo entre o Sporting e o Atlético de Bilbao que superou a barreira dos 25% de audiência média e fixou-se na casa dos 50% de share médio. O que significa que, em média, metade das pessoas que via televisão naquela hora de quinta-feira, estava sintonizada na SIC.

PIOR DA SEMANA SIC

À tarde, os números têm-se ressentido mais. A estratégia de reposição de novelas portuguesas parece não resultar muito bem. E se, dantes, Perfeito Coração já parecia uma reposição fraca, agora, Podia Acabar o Mundo tem-se revelado num autêntico fracasso. Transmitida imediatamente antes de Perfeito Coração, logo, num horário de maior consumo, a verdade é que esta novela consegue a “proeza” de ser menos vista que a antecessora, que vai para o ar apenas às 15h30 da tarde.

Um autêntico buraco que mina toda a tarde de Carnaxide.

MELHOR DA SEMANA TVI

É o programa do ano. Sem sombra de dúvidas. No último domingo, A Tua Cara Não Me É Estranha deu a mais recente prova de que é o programa mais forte que a TVI alguma vez teve na sua grelha: mesmo com a subida de Ídolos aos 30% de share, o programa de Goucha e Cristina praticamente não se ressentiu mantendo a fasquia da audiência média acima dos 19 pontos percentuais. Um autêntico sucesso que já parece garantir uma terceira temporada a caminho…

PIOR DA SEMANA TVI

Independentemente das mudanças na medição de audiências, Rosa Fogo tem tido um percurso relativamente semelhante ao de Laços de Sangue. Meio ano depois da sua estreia, a novela parece ter-se imposto de vez no horário nobre. Quem sofre é Remédio Santo. Por estes dias, a exceção tem sido mesmo a vitória da novela da TVI. Rosa Fogo tem levado a melhor, na maioria dos dias, mostrando-se num dos principais trunfos da estação de Carnaxide neste ano do 20º aniversário…

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close