Holofotes

Inovação!

Vão estar em destaque, hoje, os três programas que mais recentemente preencheram a grelha de televisão nacional: O Cubo (RTP1), Eurotwitt (RTP2) e Achas Que Sabes Dançar? (SIC).

Em primeiro lugar, devo felicitar a RTP e a SIC por terem escolhido estes programas e de os exibirem na nossa televisão. É com bom grado que vejo produções de qualidade na nossa caixa mágica, os quais me suscitam imensa curiosidade.

Em segundo lugar, devo dizer que gostei bastante dos três programas uma vez que, segundo a minha opinião, estes estão bastante bem conseguidos e transmitem cor a uma televisão cinzenta, como a nossa.

  • Numa primeira instância, temos o novo concurso dos domingos à noite da RTP, O Cubo. Adquirido o formato do canal britânico ITV1, chega-nos uma produção que merece 5 estrelas em 5 porque não só nos faz vibrar ao longo das várias provas de destreza física mas também nos impele à superação das nossas próprias capacidades quer reflexivas, quer de memória, quer de percepção visual e destreza. Conduzido pelo Jorge Gabriel, o único, a meu ver, com a melhor capacidade de o apresentar de entre muitos apresentadores portugueses. O suspense, o nervosismo, o espanto e a surpresa são muitas das emoções que este programa nos traz podendo o espectador levar as mãos à cabeça ou até gritar com as acções dos concorrentes. Com uma audimetria baixa 6.3/15.8 (rating/share) e em noite de estreia do concurso de dança, o concurso ficou que meio apagado para alguns podendo vir a ser um flop de audiências e um programa destes não o merece, não merece ser desperdiçado.
  • Numa segunda frente, temos o novo programa das tardes de sábado da RTP2, Eurotwitt. Destinado aos jovens, muitos dos temas tratados estão intimamente ligados à Europa e àquilo que nos circunda ousando dizer que a Europa é um mundo dentro de um mundo, ao qual os jovens necessitam, cada vez mais, de aderir, especialmente os portugueses na busca por uma vida melhor e, consequentemente, de um trabalho ainda melhor dentro das suas capacidades. Luís Franco Bastos, Miguel Rocha e Carlota Crespo conduzem este magazine de 25 minutos de forma leve e acessível com o intuito de fazer chegar a informação às classes mais jovens. É de grande mérito, a (re-)aposta da RTP2 em programas deste segmento pois quem não se lembra do Clube da Europa com o Pedro Ribeiro? Programas de cultura geral para os jovens devem constar na nossa televisão e programas que, culturalmente, os estimulem.
  • Numa terceira linha, temos o So You Think You Can Dance? português (Achas Que Sabes Dançar?, em português) que fazem brilhar, de novo, as noites da SiC. Embora não tenha visto o americano (mas tenciono vê-lo, a partir do final de Maio), achei meritório aquilo que a SiC fez: transportar a arte para a televisão. Muitos podem pensar que é apenas um programa de entretenimento mas para quem está lá, aquilo é a realização de um sonho e dali podem e vão nascer novas estrelas do mundo da dança. Vimos boas coreografias, outras menos boas, soltámos gargalhadas, soltámos gritos de espanto, soltámos opiniões. Apenas um programa passou mas é certo que a SiC vai repetir a mesma qualidade, o mesmo esforço, a mesma garra nas próximas semanas e sei que não me vai desiludir.

Assim, contente com os eventos referidos, termino a crónica desta semana. De facto, estou feliz pois noto já uma pequena evolução na nossa televisão. Estamos a avançar para novos patamares, para novos programas, para novas gentes. Precisamos disto e a primeira meta foi superada. Preparado para a segunda ronda? Eu estou. E você?

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close