Frente de Destaques

Receios zero

Frente de Destaques

Final de agosto, início de Setembro, um sem número de notícias na nossa imprensa. A sempre polémica Teresa Guilherme deu do que falar, surgiram novidades sobre a nova temporada de Secret Story, Luís Jardim lançou farpas a Chamar a Música e Tânia Ribas de Oliveira é a nova apresentadora de O Elo Mais Fraco.

Tudo isto e muito mais, está em destaque na Frente de hoje.

Anunciada há duas semanas como apresentadora da nova temporada de Secret Story, e apesar de ao início ter tentado não entrar em polémicas, Teresa Guilherme concedeu entrevistas às edições desta semana das revistas TV 7 Dias e TV Guia e não teve, de facto, papas na língua. Usou o seu estilo característico e entre uma e outra declaração mandou recados não só a Júlia Pinheiro, como àqueles que só agora se lembram dela. Já sentia saudades do feitio tempestivo da senhora reality-shows, mas penso que algumas das suas declarações acabaram por ser um pouco infelizes e a demonstrar alguma arrogância. Teresa Guilherme decidiu jogar estrategicamente ao ataque e embora para aqueles que a adorem seja tudo absolutamente normal, há mesmo frases que podiam ter sido evitadas. Mas à apresentadora quase tudo se perdoa e sem dúvida que é de louvar este seu regresso aos ecrãs. E ela é, claramente, a Protagonista da semana.

Ainda sobre Secret Story, surgiram nos últimos dias novidades, no que toca às regras e a uma das repórteres do programa. De acordo com a edição da revista TV Guia, Marta Cardoso será a principal repórter desta segunda temporada e terá a seu cargo as deslocações às terras dos concorrentes e as histórias adjacentes. Parece-me uma excelente escolha e espero bem que se concretize. Marta merece-o e tem bastante talento, não esquecendo que ela própria já participou num reality-show e que é formada em comunicação. Quanto às novas regras, no compute geral, parece-me interessantes e uma lufada de ar fresco no programa. Oxalá se concretizem e consigam proporcionar um refresh na Casa, até porque, por aquilo que já percebi, desta vez, o jogo centrar-se-á mesmo na tónica do programa, que é, nem mais nem menos do que a descoberta dos segredos. Mas vamos aguardar para ver.

De Secret Story passamos diretamente para Peso Pesado. Esta semana tive uma nova perspetiva da escolha de Bárbara Guimarães, muito por culpa de Teresa Guilherme. Defende a apresentadora que a esposa de Manuel Maria Carrilho será uma “lufada de ar fresco” no programa e, de certo modo, tem razão. Mesmo que até se venha a sair mal, pelo menos saberemos que o programa terá uma condução diferente da da primeira edição. E poderá ser esse um dos trunfos dos responsáveis de Carnaxide. Também esta semana, ficámos a saber que Sara Freitas não continuará, ao contrário do que Júlia Pinheiro afirmou e se esperava, sendo substituída por Conceição Gonçalves. Não apreciei muito a colega de Rui Barros ao início, mas com o decorrer do programa acabei por passar a gostar. É pena que não continue e, sinceramente, não percebi muito bem os motivos que deu para esta saída, mas fiquei com a ideia de que a substituta conseguirá, também ela, fazer um bom trabalho. Ela que até fez um workshop com Jillian Michaels, a treinadora da versão norte-americana. Mais do que não seja “curriculum” já tem.

É agora tempo de dar destaque a Luís Jardim e às declarações que este proferiu a propósito do Chamar a Música da SIC. Defendeu o jurado de Canta Comigo que “Infelizmente, em Portugal, preferem ver pessoas a fazer figura de palermas do que outras que estão empenhadas em mostrar talento. É preciso haver sempre um palhaço e más figuras para o público gostar do que vê. Não existe aqui cultura musical”. É curioso que o próprio se farte de dizer, ou pelo menos já o disse várias vezes que todos aqueles que procuram um lugar ao sol no mundo da música dificilmente o conquistarão. Será que estas declarações não passaram de uma clara forma de mostrar algum descontentamento por Canta Comigo não ter o sucesso que o seu concorrente direto? Não valia mais a Luís Jardim ter permanecido calado e sem entrar em polémicas?

Ainda sobre João Manzarra, surgiu esta semana quase que a confirmação de que será ele a apresentar a versão portuguesa de X Factor. Numa altura em que já muita gente pensava que seria Pedro Granger a conduzir o talent-show que arranca no início de 2012, Luís Marques vem a público dar a entender que, afinal, a condução de Factor X será da responsabilidade de João Manzarra. Sinceramente, e apreciando eu as qualidades do apresentador e o talento que tem, espero bem que não passe de bluff. Já chega de o ver sempre à frente dos programas que incluam música. É preciso uma renovação das caras e é tempo de deixar João Manzarra enfrentar desafios que não sejam tão iguais aos que já abraçou. E penso que seria muito mais inteligente “aproveitar” que Pedro Granger queria fazer o programa e, assim, juntava-se o útil ao agradável. Creio que faria um trabalho bastante bom, mesmo que fosse a solo. Vamos aguardar por novidades dos próximos tempos.

Foi durante a apresentação da nova produção SIC TV Globo que o diretor-geral da televisão de Carnaxide avançou com esta hipótese e é agora tempo de dar destaque a Dacin’Days. Já aqui tinha falado sobre a escolha desta história e parece-me bastante inteligente. Fiquei um pouco surpreendido por ter sido apresentada à imprensa tão cedo, mas dá-me ideia que é uma forma de tentar arranjar mais parceiros, ou não fosse este remake um projeto bastante ambicioso. Não me surpreendeu a escolha de Joana Santos para protagonista. Elogio, até, e espero que encontrem para seus parceiros atores com capacidade de estar à altura do desafio proposto. Ao contrário das más línguas que dizem que seria melhor descansar a imagem da Diana de Laços de Sangue, tenho certeza de que ela própria terá capacidade de interpretar ainda melhor a heroína Júlia desta história. E para isso, a formação na TV Globo será uma ótima ajuda. Estou ansioso para ver o resultado.

Para último destaque, não podia deixar de comentar a escolha de Tânia Ribas de Oliveira para conduzir a nova temporada de O Elo Mais Fraco. Parece-me uma excelente aposta e mais do que merecida. Tenho certeza de que está à altura do desafio e nos surpreenderá. É uma apresentadora muito talentosa e vai, certamente, dar o seu melhor. É positivo que, finalmente, não seja Jorge Gabriel ou José Carlos Malato a apresentar um concurso da televisão pública. Resta saber é quando é que o programa arrancará. Espera-se que para breve.

Terminados os destaques, as declarações que deram do que falar nos últimos dias:

“A TVI 24 foi um passo maior do que a perna”, Júlio Magalhães (in Notícias TV)

“É muito difícil ganhar à TVI. Não me proponho a fazer uma coisa dessas, proponho-me a fazer o melhor possível e dar à SIC os melhores resultados, quero que tenham orgulho em mim e no meu projeto”, Patrícia Müller (in TV 7 Dias)

“Há um ano, convidaram-me para voltar à SIC. Mas agora sinto-me muito bem na RTP. Tenho tido oportunidade de fazer muitas coisas diferentes, como o Portugal no Coração, um programa aberto, em que falamos de várias coisas, em que pela primeira vez divido a apresentação com outra pessoa. Quando isto acontece, visto a camisola dos sítios”, João Baião (in Nova Gente)

“Há um ano estava à espera do convite, e digo que fazia sentido ser eu. Continua a ser a minha opinião”, Teresa Guilherme (in TV Guia)

Antes das despedidas, a Rosa e o Espinho da semana:

Rosa

O destaque maior desta semana vai para Alexandra Lencastre, que confirmou à TV 7 Dias ter recebido um convite “tentador” para se mudar para a SIC, mas que preferiu manter-se na TVI por “amor à camisola”. Há poucas a fazê-lo e ela é, de facto, uma diva. Outra, no seu lugar, certamente que teria aceite ir para junto de Gabriela Sobral, um dos seus ombros amigos que já a ajudou bastante no passado.

Espinho

Já o menos da semana é mesmo para Ricardo e Filipe de Peso Pesado, grandes amigos em Peso Pesado e que agora nãos e falam, porque o segundo não dividiu o dinheiro com o primeiro, nem tão pouco disse que o havia recebido. Pergunto apenas, era preciso virem para a imprensa dizer isto?

E assim se despede mais uma Frente de Destaques! Até para a semana!

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close