Frente de Destaques

Para a Frente é o Caminho

Primeiro domingo do segundo mês do ano, semana recheada de novidades da nossa televisão. É certo que não foi tanto como na última do primeiro, mas mesmo assim, eu não fiquei indiferente ao que  a nossa imprensa escreveu. Desde a gravidez de Merche Romero, ao nome do novo formato de Júlia Pinheiro, passando ainda pelo provável casal de protagonistas de A Terceira Vez, trago-lhe a minha selecção dos maiores destaques desta semana!

Senhoras e senhores, está aberta mais uma Frente de destaques!

É uma das comunicadoras mais expressivas da nossa televisão. Confesso que houve alturas em que não a apreciava muita, mas também já gostei bastante do seu trabalho. Penso que, com o passar dos tempos, foi ficando melhor e hoje em dia, acredito que tem muito para dar. Todavia, a SIC, canal para o qual tem trabalhado ultimamente ainda não lhe deu um formato fixo, o que já aqui escrevi, é uma pena. Mas o tempo agora é de alegria. Merche Romero está grávida e, dentro de quatro meses, um rapagão chegará ao lar da luso-espanhola. Fiquei bastante surpreendido com esta notícia, mas ao mesmo tempo feliz por vir trazer alegria à apresentadora. Já era tempo de uma boa notícia e esta foi a dobrar, uma vez que Merche reatou também o seu namoro. E como foi, de facto, surpreendente, encheu capas de revista um pouco por todo o lado. Está assim escolhida a protagonista desta primeira semana de Fevereiro!

alt

Mas não foi apenas Merche Romero a merecer destaque na imprensa nos últimos dias. Também João Cotrim Figueiredo, em entrevista à Notícias TV desta semana, deu que falar e, mais importante do que isso, falou. De facto, a conversa com Nuno Azinheira foi muito interessante. Directa, focou os temas que todos nós queríamos ver comentados por quem, de facto, “manda” em Queluz de Baixo. Gostei dos elogios a Júlia Pinheiro, da forma como defendeu Sedução e ao mesmo a acusou, do facto de não ter tido receio de afirmar que José Eduardo Moniz ainda é muito falado pela TVI. Contudo, creio que as críticas de “cópia” à SIC, no que toca à ficção nacional, foram um tanto ao quanto despropositadas, até porque a televisão que dirige já copiou bastantes coisas, bem como da forma como abordou o assunto Manuela Moura Guedes. Por muito que o comportamento da jornalista nos últimos tempos em que fazia parte dos quadros de Queluz de Baixo não tivesse sido o melhor, a pivô honrou sempre os compromissos que manteve e deu grandes alegrias ao canal. Por isso, creio que João Cotrim Figueiredo devia ter sido mais “brando”.

Ainda directamente da TVI, com passagem pela TV Mais desta semana, novidades sobre a primeira minissérie que o canal está a preparar. De seu nome O Dom, esta produção contará com Pedro Lima, Núria Madruga e Paula Lobo Antunes nos principais papéis. Do que li, pareceu-me com bastantes semelhanças a Escrito nas Estrelas, da SIC, mas, independentemente disso, é uma temática que causa impacto em qualquer pessoa. Por muito que não se acredite, o mundo do oculto é sempre bastante falado por todas as pessoas, até as menos cépticas. Mas será isto o segredo para o sucesso? Tenho várias dúvidas. Se olharmos para os resultados de 37, por exemplo, verificamos que os telespectadores não estão muito habituados a ver minisséries na TVI. Mas Dias Felizes, cuja história central estava bastante próxima das habituais telenovelas de Queluz de Baixo já fez sucesso. talvez O Dom consiga captar um bom audiência, mas só o facto de já ser diferente é de louvar. E o trio de protagonistas está muito bem escolhido. Pelo menos é diferente dos habituais.

Já de A Terceira Vez não se pode dizer o mesmo. Segundo a edição desta semana da revista Telenovelas, Tozé Martinho pretende Pedro Lima e Sofia Alves nos principais papéis da sua próxima telenovela. Sinceramente, até gosto desta dupla e creio que têm uma grande empatia, mas talvez fosse tempo de dar lugar a outras pessoas. Ainda assim, podia ser pior. Até porque a actriz está afastada das telenovelas há já algum tempo e o actor vem de um grande sucesso em Espírito Indomável. Logo, um facto extra para captar telespectadores. Se, a tudo isto, se juntar uma antagonista ou um antagonista “diferente”, como Melânia Gomes ou Pedro Górgia, que parece ter como desafio o cargo de grande vilão da substituta de Sedução. Veremos o que nos reservam os próximos tempos.

Deixando agora a TVI, falemos do rumor que Carlos Dias da Silva lançou na sua crónica desta semana na TV Guia. Segundo o crítico, a chegada de Júlia Pinheiro à SIC foi motivada pelas negas de Cristina Ferreira e Sónia Araújo. Ao que parece, Luís Marques chegou a reunir-se com a cara da Praça da Alegria, e ofereceu-lhe um aliciante contrato, algo que já havia feito antes, mas com a apresentadora das manhãs da TVI. Sinceramente, duvido muito de que estas negas foram a causa da proposta irrecusável a Júlia Pinheiro. Por muito que Sónia e Cristina sejam já valores confirmados e causadores de sucesso, a televisão de Carnaxide não deverá ter pensado nelas antes da mãe de Rui Pêgo. Agora, se me disserem que a estratégia seria ter Júlia nas manhãs e uma destas duas estrelas à tarde, aí sim, compreendo, até porque só deste modo tem lógica. Rumores à parte, o importante mesmo é que foi Júlia a escolhida e a chega aos ecrãs de Carnaxide está aí.

Ainda esta semana, foi divulgado, embora não oficialmente, o nome do substituto de Companhia das Manhãs. Segundo o Diário de Notícias de sexta-feira, Querida Júlia foi o escolhido. Convenhamos que, à primeira vista, poderá ser um pouco “piroso” ou até “intragável”, mas, se pensarmos bem nas hipóteses, talvez até nem tenha sido uma má escolha. As Manhãs da Júlia jamais, Júlia, seria pouco convidativo. Querida Júlia oferece um ar de maior proximidade, não só dos telespectadores à apresentadora, como da apresentadora com o programa que apresenta. Vejamos como será gerido por Júlia Pinheiro quando estrear.

Como último destaque, falo-lhe da noticia da TV Guia que dá conta de que o Você na TV está prestes a ser renovado, com algumas rubricas novas a estrear, bem como um aumento significativo dos prémios oferecidos. Fiquei um tanto ao quanto surpreendido quando li esta notícia. Não pelo conteúdo em si, porque é sempre bom uma lufada de ar fresco, mas porque só vem provar o “medo” que a chegada de Júlia Pinheiro às manhãs da SIC provoca. É que, estrear as renovações antes de a concorrência apresentar as novidades, não é, de todo, uma boa aposta. É que jogar ao “ataque”, por vezes acaba por não ser a melhor estratégia, sendo que, desta vez, acredito que uma estratégia mais defensiva seria mais útil a Queluz de Baixo. Mas, como “diz o outro”, “opções”.

Terminados os destaques, deixo-lhe citações que, no meu entender, deram um outro ânimo a esta semana:

“Quando assumo desafios novos é sempre com uma grande entrega e, portanto, fico concentrada naquilo que estou a fazer e recolho muita satisfação pessoal e profissional”, Conceição Lino (in VIP)

“Tenho saudades dela (Júlia Pinheiro), de a ver nos corredores. Mantenho contacto com ela, até podia ir para o Japão que não deixava de estar no meu coração. Hei-de continuar a pedir-lhe conselhos. A nossa relação não tem de mudar”, Leonor Poeiras (in TV 7 Dias)

“Acho que a SIC ganha muito com a Júlia e eu também. É uma pessoa que é o paradigma da comunicação”, Ana Marques (in Flash!)

“Estou muito feliz na TVI e sei que fiz a escolha certa”, Fátima Lopes (in TV Mais)

“A Fátima é um talento tão grande que pode fazer qualquer coisa na TVI”, João Cotrim Figueiredo (in Notícias TV)

Antes das despedidas, a Rosa e o Espinho da Semana:

Rosa

O destaque maior destes últimos dias vai para a chegada de Júlia Pinheiro ao Facebook. Depois do regresso à SIC, a apresentadora estreia-se agora na rede social que mais tem dado que falar. E, em apenas dois dias, já são mais de 500 os seguidores da comunicadora.

Espinho

Por outro lado, o destaque negativo vai para a TVI que decidiu oferecer um contrato de exclusividade com a duração de três anos a Andreia Leal. Ora, tendo em conta que vários actores já deixaram o canal por não virem os seus contratos renovados, oferecer uma fortuna para contar com uma ex-concorrente de um reality-show não me parece a melhor opção.

Termina, assim, mais uma Frente de Destaques!

Temos encontro marcado para a semana, não se esqueça!

Até lá, boa semana!

Tags

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close