Frente de Destaques

Novos Desenvolvimentos

Mais uma semana se passou, mais uma panóplia de jornais e revistas saíram, mais um sem número de notícias para se analisar. Desde o oficial regresso de Manuela Moura Guedes à televisão aos rumores que dão conta de um dilema que “invade” Júlia Pinheiro, não esquecendo ainda os avanços quanto a elencos de próximas telenovelas. Nada disto me passou ao lado e, em seguida, poderá ler a minha análise aos principais destaques. Vai querer ficar de fora? Eu se fosse a si não ficava!

Comecemos pelo inicio. Quer dizer, a notícia só foi oficializada esta madrugada, mas isso é o que menor importância tem. Pois é, depois de na madrugada de sábado o Público on-line ter garantido que as negociações entre Manuela Moura Guedes e a SIC estavam quase a dar em “casamento”. E não é que deram mesmo? É isso mesmo que já se apercebeu. Tal como já teve a oportunidade de ler, a jornalista tem regresso marcado para finais de Janeiro ou inícios de Fevereiro, onde? Em Carnaxide, claro está. Ao que parece, vem aí um projecto “original” e de infoteinment, uma espécie de Noite da Má Língua, o que me parece que até poderá ter sucesso. Nunca seria de bom-tom vê-la apresentar o Jornal da Noite, por exemplo, até porque há muita gente que considera que o seu modo de fazer jornalismo não se encaixa no da SIC. Apesar de tudo, pela polémica e pela capacidade exímia de “chamar os bois pelos nomes”, é com grande alegria que vejo este regresso de Manuela Moura Guedes à televisão. Por tudo isto, é ela a Protagonista desta semana!

Mas nem só da companheira de José Eduardo Moniz se falou nos últimos dias. Logo terça-feira, e através da TV 7 Dias, ficámos a conhecer algumas novidades sobre a telenovela que vai suceder a Laços de Sangue no horário nobre de Carnaxide. Ao que parece, vem aí um remake de uma produção brasileira de sucesso, que poderá ser Tieta ou Roque Santeiro. É claro que será adaptada à realidade portuguesa e aos novos tempos, no entanto, creio que poderiam ter feito uma escolha melhor. Os portugueses já não têm uma grande paixão por telenovelas brasileiras, mas é um facto que, hoje em dia, toda a gente se lembra de produções muito antigas. Talvez tenha sido por isso que Nuno Santos, Gabriela Sobral e os responsáveis brasileiros decidiram ir por este caminho. Agora a pergunta é, será que os portugueses vão querer ver de novo estas histórias e adaptadas aos novos tempos? Tenho algumas dúvidas.

E aproveitando que se fala nesta produção, a imprensa dá já como certa a presença de Manuel Cavaco no elenco, ao qual se poderão juntar mais alguns actores vindos, directamente, de Queluz de Baixo. Parece-me bem e, mais do que elogiar o facto de estes profissionais não terem receio de arriscar e começarem a demarcar-se do facto de na TVI serem produções quase sempre iguais e com os mesmos elencos, elogia-se a influência de Gabriela Sobral nestas mudanças. Alguém tem dúvidas de que há mão da nova directora de produção nacional de Carnaxide nestas contratações?

Ainda assim, quem parece não querer um desafio na concorrência são Jéssica Athayde e Paula Lobo Antunes. Talvez por terem contratos de exclusividade com a TVI, ou mesmo por se sentirem bem em Queluz de Baixo, as duas actrizes têm já um novo desafio. Segundo a Notícias TV e a TV Guia serão estrelas da nova produção de Tozé Martinho, que substituirá Espírito Indomável. Parece-me uma boa aposta, mas espero que, desta vez, se lembrem de não as por no mesmo núcleo, ao contrário do que já aconteceu em Flor do Mar e agora com Mar de Paixão. É que, assim, corre-se ainda um maior risco de que as pessoas confundam as personagens. Por mim, desta vez as protagonistas seriam mesmo Núria Madruga e Jéssica Athayde, até porque as telenovelas precisam de dar destaque a outras pessoas, sem ser sempre as mesmas.

Quem parece dividida é mesmo Júlia Pinheiro. Depois de, na terça-feira o Diário de Notícias publicar declarações da apresentadora em que esta se recusava a comentar uma possível mudança para Carnaxide, eis que a TV Guia revela que a ainda directora de Formatação de Conteúdos da TVI se encontra num dilema. Por um lado o ordenado milionário e o desafio de se tornar directora de programas de Queluz de Baixo. Por outro o convite da SIC que lhe está disposta a apostar forte para a conquista da liderança em 2011. O que irá escolher Júlia Pinheiro? Ou tudo isto não passará de um rumor? Certo mesmo é que, para os lados da TVI são cada vez mais as notícias que dão conta de que a apresentadora poderá estar mesmo prestes a mudar-se para a “casa-mãe”, rumores esses que se vêm arrastando desde o Verão. E tanta utilidade que alguém como Júlia Pinheiro teria para os lados de Carnaxide…

E, como último destaque, aproveitando que se fala em investimentos da SIC, o que dizer dos próximos talent-shows que chegarão em 2011 e que são a capa da Correio TV desta semana? Depois do já certo Portugal tem Talento, que estreia na SIC ainda em Janeiro, a estação prepara-se para apostar em X Factor e para fazer uma segunda temporada de Achas que Sabes Dançar, não esquecendo ainda que está em marcha a versão portuguesa de The Biggest Looser. Ora, como irá Nuno Santos adaptar a sua grelha a tantos programas de entretenimento? Não será um pouco exagero? Tenho receio de que o público português fique confuso com tanto formato… Até porque, segundo a mesma publicação, a TVI deverá fazer regressar Uma Canção para Ti e a RTP o Dança Comigo… E estas, serão boas opções? As mais recentes edições destes formatos não foram sinónimo de grande sucesso… Fica a dúvida…

Destaques terminados, é tempo de lhe deixar algumas citações que fizeram sucesso ao longo da semana: Normal 0 21 false false false PT X-NONE X-NONE /* Style Definitions */ table.MsoNormalTable {mso-style-name:”Tabela normal”; mso-tstyle-rowband-size:0; mso-tstyle-colband-size:0; mso-style-noshow:yes; mso-style-priority:99; mso-style-qformat:yes; mso-style-parent:””; mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt; mso-para-margin-top:0cm; mso-para-margin-right:0cm; mso-para-margin-bottom:10.0pt; mso-para-margin-left:0cm; line-height:115%; mso-pagination:widow-orphan; font-size:11.0pt; font-family:”Calibri”,”sans-serif”; mso-ascii-font-family:Calibri; mso-ascii-theme-font:minor-latin; mso-fareast-font-family:”Times New Roman”; mso-fareast-theme-font:minor-fareast; mso-hansi-font-family:Calibri; mso-hansi-theme-font:minor-latin;}

“As personagens é que aprendem conosco. A personagem eu não sei quem é, nunca a conheci, nunca fui apresentada à Alice, neste caso específico. Ela é que, quer queira, quer não, tem de levar com a Maria João Luís”, Maria João Luís (in TV 7 Dias)

 

“Os jurados têm os seus concorrentes preferidos, que são a Sandra, a Carolina e o Martim. Eles têm mérito porque são, de facto, muito bons, mas é visível que o júri tenta modificar as votações do público através dos seus comentários.”, Gonçalo Dias (in ANA)

“Estou ligada à TVI, senão, não estaria a fazer mais uma série de Depois da Vida como é óbvio.”, Iva Domingues (in Flash!)

“A RTP não viola a lei. Mas pisa o risco”, José Alberto Carvalho (in Notícias TV)

E mesmo a encerrar, a Rosa e o Espinho desta semana!

Rosa

É claro que esta semana é a telenovela Meu Amor e todos os profissionais que estiveram na sua realização que merecem maior destaque. A prova de que a ficção portuguesa também dá cartas lá fora e que não podemos pensar pequenino. Parabéns a todos, especialmente a quem teve a honra de ver, diariamente, tão bela produção.

Espinho

Do lado negativo, o destaque vai para a RTP, que decidiu acabar com um dos programas que mais boa disposição tinha. O Contra não voltará mais, mas estará sempre presente no coração dos portugueses, que tanto riram à custa dos bonecos criados pela Mandala. Uma pena…

E assim chega ao fim mais uma Frente de Destaques. Para a semana a análise ao que de melhor escreve a nossa imprensa está de volta! Até lá, não perca pitada do que se passa no pequeno ecrã! Boa semana!

Normal 0 21 false false false PT X-NONE X-NONE

E assim termina assim mais uma Frente de Destaques. De hoje a uma semana, a análise ao que de melhor escreve a nossa imprensa está de volta! Até lá, uma óptima semana!

 

Normal 0 21 false false false PT X-NONE X-NONE /* Style Definitions */ table.MsoNormalTable {mso-style-name:”Tabela normal”; mso-tstyle-rowband-size:0; mso-tstyle-colband-size:0; mso-style-noshow:yes; mso-style-priority:99; mso-style-qformat:yes; mso-style-parent:””; mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt; mso-para-margin-top:0cm; mso-para-margin-right:0cm; mso-para-margin-bottom:10.0pt; mso-para-margin-left:0cm; line-height:115%; mso-pagination:widow-orphan; font-size:11.0pt; font-family:”Calibri”,”sans-serif”; mso-ascii-font-family:Calibri; mso-ascii-theme-font:minor-latin; mso-fareast-font-family:”Times New Roman”; mso-fareast-theme-font:minor-fareast; mso-hansi-font-family:Calibri; mso-hansi-theme-font:minor-latin;}

Mais uma semana se passou, mais uma panóplia de jornais e revistas saíram, mais um sem número de notícias para se analisar. Desde o oficial regresso de Manuela Moura Guedes à televisão aos rumores que dão conta de um dilema que “invade” Júlia Pinheiro, não esquecendo ainda os avanços quanto a elencos de próximas telenovelas. Nada disto me passou ao lado e, em seguida, poderá ler a minha análise aos principais destaques. Vai querer ficar de fora? Eu se fosse a si não ficava!

Comecemos pelo inicio. Quer dizer, a notícia só foi oficializada esta madrugada, mas isso é o que menor importância tem. Pois é, depois de na madrugada de sábado o Público on-line ter garantido que as negociações entre Manuela Moura Guedes e a SIC estavam quase a dar em “casamento”. E não é que deram mesmo? É isso mesmo que já se apercebeu. Tal como já teve a oportunidade de ler, a jornalista tem regresso marcado para finais de Janeiro ou inícios de Fevereiro, onde? Em Carnaxide, claro está. Ao que parece, vem aí um projecto “original” e de infoteinment, uma espécie de Noite da Má Língua, o que me parece que até poderá ter sucesso. Nunca seria de bom-tom vê-la apresentar o Jornal da Noite, por exemplo, até porque há muita gente que considera que o seu modo de fazer jornalismo não se encaixa no da SIC. Apesar de tudo, pela polémica e pela capacidade exímia de “chamar os bois pelos nomes”, é com grande alegria que vejo este regresso de Manuela Moura Guedes à televisão. Por tudo isto, é ela a Protagonista desta semana!

Mas nem só da companheira de José Eduardo Moniz se falou nos últimos dias. Logo terça-feira, e através da TV 7 Dias, ficámos a conhecer algumas novidades sobre a telenovela que vai suceder a Laços de Sangue no horário nobre de Carnaxide. Ao que parece, vem aí um remake de uma produção brasileira de sucesso, que poderá ser Tieta ou Roque Santeiro. É claro que será adaptada à realidade portuguesa e aos novos tempos, no entanto, creio que poderiam ter feito uma escolha melhor. Os portugueses já não têm uma grande paixão por telenovelas brasileiras, mas é um facto que, hoje em dia, toda a gente se lembra de produções muito antigas. Talvez tenha sido por isso que Nuno Santos, Gabriela Sobral e os responsáveis brasileiros decidiram ir por este caminho. Agora a pergunta é, será que os portugueses vão querer ver de novo estas histórias e adaptadas aos novos tempos? Tenho algumas dúvidas.

E aproveitando que se fala nesta produção, a imprensa dá já como certa a presença de Manuel Cavaco no elenco, ao qual se poderão juntar mais alguns actores vindos, directamente, de Queluz de Baixo. Parece-me bem e, mais do que elogiar o facto de estes profissionais não terem receio de arriscar e começarem a demarcar-se do facto de na TVI serem produções quase sempre iguais e com os mesmos elencos, elogia-se a influência de Gabriela Sobral nestas mudanças. Alguém tem dúvidas de que há mão da nova directora de produção nacional de Carnaxide nestas contratações?

Ainda assim, quem parece não querer um desafio na concorrência são Jéssica Athayde e Paula Lobo Antunes. Talvez por terem contratos de exclusividade com a TVI, ou mesmo por se sentirem bem em Queluz de Baixo, as duas actrizes têm já um novo desafio. Segundo a Notícias TV e a TV Guia serão estrelas da nova produção de Tozé Martinho, que substituirá Espírito Indomável. Parece-me uma boa aposta, mas espero que, desta vez, se lembrem de não as por no mesmo núcleo, ao contrário do que já aconteceu em Flor do Mar e agora com Mar de Paixão. É que, assim, corre-se ainda um maior risco de que as pessoas confundam as personagens. Por mim, desta vez as protagonistas seriam mesmo Núria Madruga e Jéssica Athayde, até porque as telenovelas precisam de dar destaque a outras pessoas, sem ser sempre as mesmas.

Quem parece dividida é mesmo Júlia Pinheiro. Depois de, na terça-feira o Diário de Notícias publicar declarações da apresentadora em que esta se recusava a comentar uma possível mudança para Carnaxide, eis que a TV Guia revela que a ainda directora de Formatação de Conteúdos da TVI se encontra num dilema. Por um lado o ordenado milionário e o desafio de se tornar directora de programas de Queluz de Baixo. Por outro o convite da SIC que lhe está disposta a apostar forte para a conquista da liderança em 2011. O que irá escolher Júlia Pinheiro? Ou tudo isto não passará de um rumor? Certo mesmo é que, para os lados da TVI são cada vez mais as notícias que dão conta de que a apresentadora poderá estar mesmo prestes a mudar-se para a “casa-mãe”, rumores esses que se vêm arrastando desde o Verão. E tanta utilidade que alguém como Júlia Pinheiro teria para os lados de Carnaxide…

E, como último destaque, aproveitando que se fala em investimentos da SIC, o que dizer dos próximos talent-shows que chegarão em 2011 e que são a capa da Correio TV desta semana? Depois do já certo Portugal tem Talento, que estreia na SIC ainda em Janeiro, a estação prepara-se para apostar em X Factor e para fazer uma segunda temporada de Achas que Sabes Dançar, não esquecendo ainda que está em marcha a versão portuguesa de The Biggest Looser. Ora, como irá Nuno Santos adaptar a sua grelha a tantos programas de entretenimento? Não será um pouco exagero? Tenho receio de que o público português fique confuso com tanto formato… Até porque, segundo a mesma publicação, a TVI deverá fazer regressar Uma Canção para Ti e a RTP o Dança Comigo… E estas, serão boas opções? As mais recentes edições destes formatos não foram sinónimo de grande sucesso… Fica a dúvida…

Destaques terminados, é tempo de lhe deixar algumas citações que fizeram sucesso ao longo da semana:

“As personagens é que aprendem conosco. A personagem eu não sei quem é, nunca a conheci, nunca fui apresentada à Alice, neste caso específico. Ela é que, quer queira, quer não, tem de levar com a Maria João Luís”, Maria João Luís (in TV 7 Dias)

“Os jurados têm os seus concorrentes preferidos, que são a Sandra, a Carolina e o Martim. Eles têm mérito porque são, de facto, muito bons, mas é visível que o júri tenta modificar as votações do público através dos seus comentários.”, Gonçalo Dias (in ANA)

“Estou ligada à TVI, senão, não estaria a fazer mais uma série de Depois da Vida como é óbvio.”, Iva Domingues (in Flash!)

“A RTP não viola a lei. Mas pisa o risco”, José Alberto Carvalho (in Notícias TV)

E mesmo a encerrar, a Rosa e o Espinho desta semana!

Rosa

É claro que esta semana é a telenovela Meu Amor e todos os profissionais que estiveram na sua realização que merecem maior destaque. A prova de que a ficção portuguesa também dá cartas lá fora e que não podemos pensar pequenino. Parabéns a todos, especialmente a quem teve a honra de ver, diariamente, tão bela produção.

Espinho

Do lado negativo, o destaque vai para a RTP, que decidiu acabar com um dos programas que mais boa disposição tinha. O Contra não voltará mais, mas estará sempre presente no coração dos portugueses, que tanto riram à custa dos bonecos criados pela Mandala. Uma pena…

E assim chega ao fim mais uma Frente de Destaques. Para a semana a análise ao que de melhor escreve a nossa imprensa está de volta! Até lá, não perca pitada do que se passa no pequeno ecrã! Boa semana!

Tags

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close