Frente de Destaques

Altas Expectativas

Project Runway é aposta da RTP. Quem o apresenta? Caminho da Felicidade está a chegar à SIC. Novo reality-rhow na TVI? Daniel Oliveira em grande na África do Sul.

Senhoras e senhores, sejam bem-vindos à Frente de Destaques desta semana!

Tal como muitos portugueses ambicionavam, Portugal vai mesmo apostar numa versão nacional de Project Runway. Pela mão da RTP, este formato deverá estrear ainda no Verão, ou então na reentré televisiva. As gravações estão prestes a começar e começam a surgir apostas para se descobrir quem será a apresentadora do formato. A imprensa desta semana fala nos nomes das apresentadoras Isabel Figueira e Helena Coelho, bem como nos das manequins Sofia Aparício e Nayma. Gostei de saber desta notícia. Faz falta ao nosso país um programa que não se restrinja a abordar o mundo da música ou da dança. E, numa sociedade como aquela em que vivemos actualmente, em que a moda é cada vez mais um preocupação dos cidadãos, porque não? A meu ver, este acontecimento só peca por tardio. Tenho a certeza que conseguirá bons resultados, no entanto o facto de vir a ser transmitido pela RTP, deixa-me algumas dúvidas. Não é que duvide de que a estação tenha capacidades para o emitir, mas espero que a escolha da apresentadora seja consciente. Confesso que não concordo com nenhuma das apostas da imprensa. Acho que Isabel Figueira ainda não tem o necessário para apresentar um formato a solo, assim como Helena Coelho ainda é demasiado “verde” para chegar ao horário nobre. Por mim, a apresentadora de Project Runway versão portuguesa era mesmo Catarina Furtado. Com ela, a estação podia ter motivos para criar altas expectativas. A esposa de João Reis é uma das melhores apresentadoras do nosso país e tem todas as capacidades para fazer um brilharete, não só pelas suas características enquanto profissional, como também pela sua beleza. Catarina Furtado é mesmo muito bonita. Resta-nos esperar para ver qual será a escolha da estação pública, bem como o horário e data de estreia do programa.

Se a RTP se prepara para Project Runway, a TVI poderá muito bem estar a ultimar uma surpresa para os telespectadores. E não, não é um projecto de ficção. Foi na apresentação à imprensa de Espírito Indomável que André Cerqueira deixou no ar a possibilidade de a estação de Carnaxide brindar os telespectadores com um novo reality-show. Diga-se o que se disser, é de um formato deste género que os telespectadores sentem falta. Invade a vida das pessoas? Explora-as ao máximo? Claro que sim. Mas e daí? Não é disso que o público gosta? E, tal como aconteceu há algum tempo, poderia ser esse o “embalo” que ultimamente tem feito falta à TVI, que quase não bate recordes de audiência, como o fazia há alguns tempos. No caso de esta notícia se confirmar, espero que venha aí um novo Big Brother, ou na pior das hipóteses, uma Quinta das Celebridades, mas sem famosos. É aí que está o grande desafio à TVI: utilizar anónimos, pessoas como nós, como o público, pessoas completamente desconhecidas, mas ao mesmo tempo iguais a cada um de nós. E, para o sucesso ser ainda maior, que seja Teresa Guilherme a conduzir o programa. Júlia Pinheiro já demonstrou ser capaz, mas Teresa é “aquela base”. Corre-lhe nas veias a polémica, a surpresa, a curiosidade… E este poderia também ser o momento indicado para o seu regresso, o regresso de uma das melhores profissionais de sempre de que todos os portugueses sentem falta. Venha de lá esse reality-show, André Cerqueira! E, faça um esforço para convencer Teresa Guilherme a fazer parte do “pack”.

Soube-se esta semana que SIC e TV Globo fizeram uma parceria para a produção de duas telenovelas em conjunto. A primeira, que ao que tudo indica deverá substituir Perfeito Coração, será supervisionada por Aguinaldo Silva, e escrita por Pedro Lopes. Este acontecimento é, quanto a mim, um grande passo na ficção feita pela estação de Carnaxide. Se a trama de Leonor e Pedro já conseguiu provar que por aqueles lados também se conseguem fazer bons produtos, Caminho da Felicidade poderá aumentar ainda mais as expectativas dos responsáveis. Por um lado, por ter o dedo da maior produtora de telenovelas do mundo, por outro, por estar adequada à realidade portuguesa. Oxalá que se consiga fazer um grande produto e que os portugueses o estimem bem. Não acredito que as telenovelas da TVI sejam completamente esquecidas, mas poderão continuar a sentir que há “concorrência”. Resta aguardar por novidades.

Já que falei de Caminho da Felicidade, a imprensa desta semana continua a avançar possíveis nomes para o elenco da trama. Agora que é publico que terá uma “mãozinha” brasileira, é cada vez mais provável que haja actores do país irmão a marcarem presença. O desejo da SIC era Taís Araújo, mas por motivos profissionais, a actriz teve que dizer não. Fala-se agora em Lília Cabral. Qualquer das duas me parece uma excelente escolha. São duas das actrizes brasileiras com mais provas dadas e que ainda estão na “mente” dos portugueses. Não só porque fazem parte do elenco de Viver a Vida, como também pelo facto de as suas personagens terem entrado no nosso coração. No caso de Lília Cabral vir mesmo a fazer parte do elenco de Caminho da Felicidade, penso que poderia fazer um excelente par romântico com Vítor de Sousa. Quem sabe não poderia vir a ser ela a grande vilã da trama? Algo semelhante à mãe da Nanda de Páginas da Vida era uma excelente notícia. Se outros actores viessem a colaborar com a SIC, penso que Paola Oliveira, Carolina Ferraz, Murilo Benício, Henri Castelli ou Camila Pitanga, entre outros, poderiam ser excelentes apostas.

O último destaque desta Frente vai para Daniel Oliveira. O coordenador de conteúdos da estação de Carnaxide será o grande repórter do canal na África do Sul. Para além de três emissões de Alta Definição, Daniel Oliveira vai ainda fazer apontamentos para o Companhia das Manhãs e para o Vida Nova. Sou grande admirador deste excelente profissional e creio que ele é cada vez mais a cara SIC quando se fala em selecção nacional. É claro que o facto de ter vários conhecimentos o ajuda, mas as suas capacidades não podem ser esquecidas. Basta pensar que entrevista como ninguém e que os programas com o seu”dedo” têm bastante impacto e sucesso entre o público. Um grande exemplo é O Regresso dos Incríveis. Um excelente programa, não só em termos de realização, como em termos de conteúdo. Venham mais formatos assim!

Como não poderia deixar de ser, revelo-lhe agora a minha escolha para Protagonista desta semana. Não, ela não está com novo trabalho. Não, ela também ainda não anunciou a cada vez mais provável gravidez. Sim, ela casou-se. E foi em segredo. Tudo aconteceu a 13 de Maio, mas só a 17 a notícia foi tornada pública. Diga-se o que se disser, Luciana Abreu ainda vende. Por vezes não é pelos melhores motivos, mas quando é para vender, é mesmo para vender. E, com tamanho acontecimento, não houve uma única publicação que lhe ficasse indiferente.

Deixo-lhe agora os destaques para a semana que agora começa:

Amanhã, pelas 19h25, na TVI, não vai querer perder um dos últimos jogos da selecção nacional, antes do inicio do Campeonato do Mundo. Terça-feira pelas 20 horas, vamos todos torcer por Filipa Azevedo, na primeira semi-final do Festival da Canção 2010. Já no sábado, esperemos estar todos colados ao ecrã a ver a prestação da cantora na grande final do certame.

Chega assim ao fim a Frente de Destaques desta semana

Para a semana estou de volta, sempre com as notícias mais “fresquinhas”

Até lá!

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close