Fora de Série

The Gates

The Gates é uma série sobrenatural escrita por Richard Hatem and Grant Scharbo e produzida em parceria com a Fox TV Studios,  e que estreou na estação ABC.
Nick Monohan (Frank Grillo) é um oficial de policia que se torna chefe num bairro suburbano  luxuoso, encarcerado e protegido por enormes portões  de ferro, onde reside, juntamente com a família (a mulher Sarah e os filhos, Dana e Charlie) em comunhão com seres sobrenaturais como vampiros, lobisomens, bruxas, bem como outras entidades sobrenaturais.
Os Monohan enfrentarão um destino estranho com amigos pouco convencionais, donas de casa com apetites insaciáveis e adolescentes com instintos selvagens. Nick será dominado por esse misterioso lugar e sairá em busca da verdade obscura sobre seu novo bairro e os elementos sobrenaturais que se escondem nas sombras de The Gates.

PERSONAGENS

Nick Monohan (Frank Grillo) – O novo e desconhecido chefe de polícia do The Gates. Mudou-se com a família para começar uma nova vida, longe do stress se Chicago, onde era detective, após ter morto um homem. Contudo, mal se instala no novo bairro, encontra problemas que o anterior chefe tentava esconder, principalmente por suborno. Nick está determinado em, juntamente com os seus colegas Leigh e Marcus, descobrir todos os segredos que a comunidade tem esconde.

 

 

Sarah Monohan (Marisol Nichols) – A mulher companheira e corroborante de Nick, mãe de família, é a cola que mantém a família unida. Nascida e criada em Chicago, luta para se adaptar ao modo de vida do novo bairro. Por ser generosa e determinada, não demora muito tempo a criar laços com os novos vizinhos, alguns com segredos bem perigosos escondidos, dos quais Sarah vai ficando cada vez mais perto de desvendar.

Charlie Monohan (Travis Caldwel) – Habituado a enfrentar todos os perigos da Escolas públicas que frequentou em Chicago, Charlie não sabe como lidar com os novos colegas da The Gates Academy, a Escola de elite onde os pais o inscreveram, muito contra a sua vontade. Solitário e isolacionista por natureza, como “o rapaz novo” tem por única amiga Andie Bates, apercebendo-se de que a adaptação ao bairro por si só já é difícil, tornando-se ainda mais complicada, quando se é “apenas humano”.

 

 

Andie Bates (Skyler Samuels) – Amiga de Charlie e sua vizinha, ex namorada de um jogador de futebol, (Brett) é naturalmente inteligente e bondosa com todos. Parece uma adolescente normal, que lida com as questões normais da adolescência, contudo, a sua capacidade de atracção de rapazes adolescente não é totalmente normal.  A morar com o pai no bairro desde a morte da mãe, num trágico acidente de carro, descobre que esta era um demónio succubus e que também ela se transformará num.

Brett Creski  (Colton Hayne) – O modelo de The Gates, bonito, inteligente, atlético, começa a série como namorado de Andie, embora terminem o namoro por causa de Charlie. Brett luta contra algo mais animalesco em si. Brett, tem que lutar contra a sua natureza de lobisomem, o que é difícil, uma vez que a adolescência desperta ainda mais esses instintos em si, bem como o ciúme que sente desde que a família Monohan de mudou para o bairro.  Brett torna-se cada vez mais perigoso para si próprio e para os que o rodeiam.

 

 

Claire Radcliff (Rhona Mitra) – A aparente dona de casa perfeita, com a casa bonita e perfeita, tem uma filha de oito anos, Emily, que ama profundamente, um marido lindo e maravilhoso, Dylan, a quem é completamente devota. Contudo, e por baixo de um exterior impecável, Claire luta constantemente para não ceder aos seus impulsos mais básicos. É que Claire é uma vampira, criada há décadas atrás por Dylan (que oculta todos os seus crimes, mesmo os acidentais) que tem que conter o desejo de beber sangue humano, para esconder o vampirismo da comunidade e da filha adoptiva Emily, cujos pais assassinou.

 

Dylan Radcliff (Luke Mably)- Empresário de sucesso, defensor incondicional da esposa, Claire e do seu modo de vida, luta constantemente para manter ocultos os seus crimes passados e esforça-se de forma esgotante para manter o modo de vida que adquiriram no The Gates e para que ninguém descubra o segredo da família perfeita.

CURIOSIDADES:
Apesar de ter sido inicialmente acordada a sua produção para a temporada de 2009-2010, o episódio piloto só estreou em Outubro de 2009.
Após terminar a 1ª Temporada, a série foi cancelada, apesar de rumores de possível existência de uma 2ª Temporada, que não vieram a concretizar-se.

A FAVOR:
Apesar de não tratar de temas originais, os argumentistas dão-lhe uma abordagem totalmente diferente, muito mais assertiva e mordaz.
Bem conseguida, afasta os tradicionais tons sexuais característicos deste tipo de séries e traz personagens mais realistas e densos.
Cenários intrigantes, personagens bem interpretados por um elenco de qualidade e acima das expectativas, são o segredo para manter a série relativamente interessante

CONTRA:
Centra-se muito no liceu e nos personagens adolescentes, parecendo, em certos episódios, uma série de adolescentes.
Ao tentar englobar vários personagens de outras séries anteriores, de estilos tão diversos, The Gates torna-se uma manta de retalhos de todas as outras, uma espécie de Frankenstein. Algo híbrido, entre uma série de terror clássico, uma série de crime e algo ao género de “Desperate Housewives” do terror.

/* ]]> */