Falar Televisão

Vem aí mais do mesmo?

Foi há poucas semanas que saiu do ar o «Dá Cá Mais 5», sem qualquer despedida, sem qualquer esclarecimento. A decisão por parte da Direção da TVI não se percebeu (vamos pôr de parte as audiências!) e pelo menos uma apresentadora voltou para a «prateleira». Mas, agora, o caminho traçado por José Eduardo Moniz vai voltar a ser percorrido…

Já lá vão muitos anos desde que surgiu o «Quem Quer Ganha», inicialmente apresentado por Iva Domingues. O programa, uma mistura de call TV e jogos de raciocínio rápido, nunca foi o «programa dos olhos da TVI» porque nunca contribuiu para uma boa média da estação. Não era um sucesso e não tinha audiências bombásticas, mas cumpria. Acima de tudo, cumpria o seu propósito: enchia a estação com dinheiro. As chamadas de valor acrescentado, promovidas exaustivamente durante uma só emissão, «davam vida» ao programa e faziam a Direção pensar duas vezes antes de decidir se o tiravam do ar. Afinal, teria haver uma compensação para o facto de, «audiometricamente», o programa não ajudar a média diária.

Com a mudança de Fátima Lopes para a TVI, surgiu o «Agora É Que Conta». Este programa prometia ser mais auspicioso e mais dinâmico. Foi bem mais dinâmico, sim, mas a nível de audiências deixou muito a desejar. O formato valia por ter um entretenimento mais focado na diversão e, confesso, esperava que conseguisse agarrar mais facilmente os telespectadores. O «Dá Cá Mais 5», mais simples e mais barato (a nível de produção), quando surgiu, começou logo a fazer melhores resultados que o seu antecessor, o programa de Fátima Lopes que entretanto já era apresentado pela Leonor Poeiras!

E foi a Leonor Poeiras, que já está mais que «peixe na água» neste tipo de formatos (foram anos de «Quem Quer Ganha»!), que se manteve no horário das 18:00 após o fim do «Agora É Que Conta» e o surgimento do «Dá Cá Mais 5». Sim, ela cumpre, adequa-se ao formato, tem uma alegria genuína e não é nada forçada. Se é a pessoa mais indicada? Sim, é. É jovem, alegre, cativante e sabe «encher chouriços» quando tem que «vender» o número das chamadas de valor acrescentado. Bem, pelo menos vai-se mantendo no ar, tem trabalho e as pessoas não se esquecem de si. Menos sorte tem a Iva Domingues que apresentou o formato inicial (que deu origem a uma série de «variações») e que, depois de pedir para se afastar deste género de programas, se tem mantido mais longe do ar ao longo dos últimos anos (se bem que, ultimamente e de forma esporádica, vai tendo uma maior presença que aquela que tinha há uns tempos atrás).

Estes programas, que pretendem ser um mealheiro, parecem estar condenados a não fazer frente à concorrência… Mas será que essa sina se vai quebrar? José Fragoso, Diretor-geral da TVI, já veio a público dizer que um novo programa está a ser preparado para substituir o cancelado «Dá Cá Mais 5». Mas, se isso não é de admirar, o que é de espantar é que o que virá por aí (segundo José Fragoso) é um formato semelhante àquele que saiu do ar… Mas porquê, se não resulta e tráz más audiências? Porque talvez o custo e a recompensa financeira compensem mesmo a audiência em torno dos 20% de share que este tipo de programa habitualmente faz (será que se ficará por este valor?). E a apresentação continuará a ser de Leonor Poeiras ou a Iva Domingues (que nos últimos tempo de vida do «Dá Cá Mais 5» alternava a apresentação com a Leonor Poeiras) roubar-lhe-á o lugar? Uma questão que só daqui a uns tempos se conhecerá a resposta. E só quando o novo formato surgir é que ficaremos a saber se também estamos perante um programa «mais do mesmo» (ou seja, seguindo a «onda» do que tem surgido ao longo dos anos) ou se haverá alguma novidade. Não querendo adiantar-me muito nas previsões, mas tendo em conta as últimas declarações do Diretor-geral da TVI, duvido um pouco que venha por aí algo realmente novo e diferente!

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close