Falar Televisão

Uma questão de manipulação

Há muito que sou seguidor de Secret Story, desde a primeira temporada e, embora nesta nova edição não exista uma excitação tão grande da minha parte, continuo a acompanhar e a vibrar intensamente com algumas das situações. Não me vou alongar em termos de comparações entre uma temporada e outra, mas havia algo que, até à noite de ontem, me agradava bastante. Por enquanto, ninguém falava em manipulação das votações.

Mas como nem tudo é eternamente perfeito, a produção do reality-show vacilou e a polémica está instalada. Susana permaneceu na Casa dos Segredos e Cleide foi expulsa. Surpresas? Muitas, tendo em conta o histórico de Secret Story 2 e nenhumas, pensando na primeira série. Sinceramente, não tenho qualquer tipo de dúvidas de que houve manipulação dos votos. Em todas as sondagens, a stripper tinha uma larga vantagem sobre as concorrentes, que pouca expressão tinham. Agora, virem-me dizer que os portugueses decidiram salvar Susana? É, simplesmente, curioso, quando, há uma semana atrás expulsaram o concorrente que mais ordinarices fez dentro do programa. E, convenhamos, quem iria gastar dinheiro para salvar Susana, quando todos sabemos que não é, de todo, a concorrente que reúne maior favoritismo junto dos portugueses.

Atenção que este não é um texto contra a jovem algarvia. Apesar de não ser seu fã, sei que tem uma missão na casa: envolver-se com Marco. Mas isso não me impede de aqui escrever sobre algo que, na minha opinião, foi demasiado injusto e totalmente falso. Mas, agora colocando o meu lado marketeer sob a mesa, quem “vale” mais dentro do programa? Susana ou Cleide? Esta última, sem Carlos, pouco ou nada haveria de fazer de diferente e é ai que está o cerne da questão.

Mas há mais, toda esta polémica, acaba por, inevitavelmente causar falatório e mover multidões. E assim se faz uma ótima campanha de publicidade gratuita a um programa que se tornou, agora sim, numa cópia da primeira série. E o resultado audiométrico de ontem ajudou já a perceber esta cópia.

  • Anónimo

    Pois! Mas a verdade é que ontem o programa alcançou um grande resultado, talvez o melhor desta segunda edição, sem contar, como é óbvio, com o programa de estreia. E a manipulação acontece no programa de França e no resto do mundo. Sem ela não havia tanta polémica (que é o ingrediente principal) que traz audiências. E se é verdade que vai haver uma terceira edição na rentrée de 2012 para “batalhar” com o 24/7 Love Lab (penso que é assim que se escreve e que se chama), então é que haverá manipulação e mais polémica. E aquelas novas regras que eram para entrar já nesta edição que iam trazer mais para a “festa da polémica”, devem entrar para a próxima, pois a rentrée 2012 vai ser renhido e tudo vale para as audiências! E, daqui a alguns dias, esperem a entrada de álcool para a Casa, pois as festas duram pouco e estão muito mortas. É preciso mais energia!

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close