Falar Televisão Rubricas

Pirilampos intermitentes e emigratórios

Falar_Televisao 2012

Falar_Televisao 2012

Pirilampos. Sim, pirilampos! Podiam ser estrelas, cometas, lanternas ou até mesmo peixes bioluminescentes. Mas escolhi pirilampos. Por uma razão em particular, pois, embora todos as outras entidades sejam igualmente (ou ainda mais) refulgentes que o pirilampo, o pirilampo voa. Ou seja, brilha, fortuitamente, e viaja/emigra, ocasionalmente. Ora, se extrapolarmos esta ideia para o universo da representação, reparamos que Portugal está repleto de pirilampos. Ou talvez não, porque voaram para outras nações.

Maria João Falcão, Alexandre Personne, Sara Moniz, Margarida Vila-Nova, Vanessa Martins, Sofia Escobar, Ricardo Afonso, Daniela Ruah, João Queiroga são só alguns desses animais reluzentes. Uns pirilampos são intermitentes e ouros emigratórios. Uns com a luzinha bem presente na nossa memória. Outros que se fazem iluminar pelas televisões que emitem repetições, enaltecendo assim a faina destes indivíduos.

Agora será que se esqueceram destes talentos descomunais? Não creio que sim. Talvez os seus últimos trabalhos não tenham tido tanta projecção quanto a telenovela ou a série que fizeram em tempos. Possivelmente têm feito cinema. Provavelmente têm investido na sua formação. Quiçá estarão preparando um regresso. Mas como se sentirão? Poderão sentir-se gratificados pelas oportunidades que lhe foram dadas, felizes pelas suas prestações e pelo carinho do público. Ou poderão sentir-se estatelados no chão, pois, após o lançamento de uma catapulta aparentemente confiável e uma conchegativa viagem pelo mundo das nuvens (a fama), caíram (segundo a sua perfeitamente exequível visão derrotista) mais fundo que o próprio chão.

Mas nem tudo é, contrariando a expressão popular, um mar de espinhos. Alguns dos nomes referidos já tiveram a oportunidade de encantar sob a mão do grande La Féria, estão nos palcos mais populares do mundo, em West End, trabalham num prestigiado cabeleireiro em Tokio ou representam junto dos melhores profissionais da televisão americana.

Todos nós conhecemos a voz estonteante de Sofia Escobar ou a voz alucinante de Ricardo Afonso. Ninguém duvida do talento incomensurável de Margarida Vila-Nova. Quem nunca viu um episódio de NCIS? Todos os nomes referenciados, de uma forma ou de outra, já desafiaram a gravidade realizando projectos de sucesso. São atores, actrizes, artistas. São pessoas. Pessoas que poderão percorrer vários caminhos e mudar de profissão. Ou pessoas que poderão percorrer vários caminhos e não mudar de profissão. São pessoas que brilham através do talento e que voam através do sonho. São acima de tudo pirilampos.

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close