Falar Televisão

Os movimentos da Lucy

Até quando é que o povo vai ter que levar com os imparáveis dramas da Lucy? A rapariga precisa de descanso, assim como os fiéis leitores de revistas e jornais deste país. Quem tem perdido os principais episódios, a novela é a seguinte: ontem divorciou-se do marido, hoje partiu um copo de vidro, amanhã partiu o espelho, depois de amanhã chamou-lhe nomes e depois de amanhã de amanhã sabe-se lá.

Um ano que se esperava repleto de sucesso para a eterna «Floribella»… acabou por se tornar um autêntico pesadelo, apesar de momentos mais felizes como a vitória em «A Tua Cara Não Me É Estranha». É certo e sabido que a maioria das pessoas gosta de tomar conhecimento destas intrigas dos famosos, mas há um certo limite a cumprir. Há que respeitar tanto a privacidade das figuras públicas, assim como a paciência dos leitores. Claro que qualquer movimento que Luciana Abreu faça, pode ser notícia. E quanto mais brusco esse movimento, maior o contentamento dos jornalistas e ainda maior a polémica que se pode criar à volta. Mas não é necessário noticiar cada movimento, pois existe a forte possibilidade do mesmo estar completamente errado. Nem tudo é verídico, nem tudo merece destaque, nem tudo é extremamente necessário.

Uma coisa é a divulgação da separação de Lucy e do Djaló, outra coisa é um acumular de dramas sem aparente final. Há tantas boas notícias neste país que podem ser notícia e, infelizmente não são. Porquê? Talvez porque não teriam tanto impacto e “interesse”.  O que vale é que vem aí a terceira edição da «Casa dos Segredos» para distrair e baralhar tudo. Nossa, que “biolência”!

  • Anon

    O ano de Luciana Abreu não está a ser muito bom a nível pessoal, mas está a sê-lo a nível profissional, senão vejamos: entrada num programa líder de audiências da TVI (logo, entrada direta para às luzes da ribalta, o que possibilitou todas as seguintes conquistas); gravação de um cd em Londres com o produtor Luís Jardim; protagonização de um espectáculo que junta canto, dança e representação; possível protagonização de uma série que junta canto e representação na estação de televisão líder em Portugal. Não está a ser um fantástico ano a nível profissional?!

  • Anon2

    É preciso notar que quem se pôs a jeito para que o folhetim aconteça foram e são os próprios intervenientes já que nunca souberam separar a sua vida privada da sua presença pública. E ora quem é que andou sempre nas redes sociais com as patéticas mensagens de foro privado e ainda para mais para insultar outros intervenientes. Quem é que andou sempre em pontas de pés a torto e direito a anunciar a sua imensa feliciidade? Ora pois, se imagens de tv partidas aparecem é por alguém as fornece e este circo mediático acontece porque os actores desta telenovela nunca souberam lidar (aliás são “attention whores” que provém aliás de backgrounds sócio-ecónomicos de infância complicados) com esses limites nem nunca tiveram bom aconselhamento. Depois culpem os media.

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close