Falar Televisão

O grande duelo será ao domingo

Falar_Televisao 2012

Falar_Televisao 2012

Após toda a polémica da sua chegada à RTP1, sabe-se agora que José Sócrates vai estrear-se no comentário político, ao domingo. Já era de esperar que tal opção fosse tomada por parte da direção de Informação da RTP, visto que os resultados da entrevista ao ex-Primeiro-Ministro foram muito animadores.

Há umas semanas atrás pronunciei-me aqui sobre a importância que os domingos têm na televisão portuguesa. As noites de domingo são as mais fortes em Portugal, fazendo com que as estações de televisão apostam em força em formatos para o grande público. Ora, a TVI tem sido um exemplo forte no que toca a essa aposta. Começando pelos comentários do professor Marcelo Rebelo de Sousa, inseridos no Jornal das 8, seguindo-se um grande formato de entretenimento. O canal de Carnaxide também tem apostado nos serões de domingo, focando-se mais no entretenimento e numa Informação diferente, destacando as grandes reportagens no Jornal da Noite com o jornalista Pedro Mourinho. A partir de dia sete de abril, junta-se a RTP1 neste conjunto de apostas, dando destaque ao comentário político.

A entrevista de José Sócrates, O Fim do Silêncio, obteve resultados muito positivos para a estação – 16,7% de audiência média, mais de um milhão e 600 mil espectadores, e 30,1% de quota de mercado. Por seu lado, o Telejornal, a anteceder a entrevista, também registou a melhor audiência do ano – 13,4% de rating e 26,3% de share -, o que normalmente nem chega aos 20% de share, nem aos 10% de audiência média. Posto isto, Paulo Ferreira, diretor de Informação da RTP, decidiu emitir o comentário do ex-líder do PS ao domingo, fortalecendo assim o dia que costuma ser frágil para a estação pública devido à subida das privadas.

Assim, as duplas vão confrontar-se aos domingos. Na RTP1, será Cristina Esteves quem vai conduzir o comentário de José Sócrates que terá apenas 30 minutos. Por outro lado, na TVI, Judite Sousa continuará a moderar os famosos comentários do professor Marcelo Rebelo de Sousa com a duração de 45 minutos (que nunca chegam para o professor Marcelo). A estação pública encontrou, assim, a pólvora para se lançar outra vez na tabela das audiências, pois José Sócrates mostrou ser um grande trunfo que deve ser bem aproveitado.

Até quarta-feira!

  • LOL

    Não acho que será um sucesso mas vamos esperar para ver.

  • Pedro R.

    Produzir um programa com Sócrates ou 13 episódios, 2 ou 5 temporadas é a mesma coisa. Dado que a cassete é sempre a mesma, duvido que o Marcelo se tenha muito com que preocupar a partir da 3ª semana, se tanto.

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close