Falar Televisão

“Grão a grão enche a SIC o papo”

É oficial e contra fatos não há argumentos: Dancin’ Days é a novela do momento com valores audiométricos a superarem a novela da concorrência emitida no mesmo horário. A SIC inverteu os papéis e vence, neste momento, a batalha das audiências. Mas, nem tudo é motivo de orgulho para o canal de Carnaxide. Se esta vence frente a «Louco Amor», o que é certo é que mal «Dancin’ Days» acaba, cerca de meio milhão de espectadores mudam de canal. Com a promoção de «Grabriela» as expectativas aumentam e esta pode mesmo ser mais uma das possíveis soluções para a SIC, pouco a pouco, conquistar as audiências do horário nobre, de segunda a sexta.

A preferência pela ficção nacional é talvez um dos pontos fortes a favor da TVI e um dos principais motivos para não acompanharem «O Astro» e «Insensato Coração». À partida, e seguindo esta lógica, o remake da primeira novela emitida em Portugal não teria (ou terá) grandes chances. Mas será mesmo? Ou será o trunfo para finalmente ganhar o terreno que há tanto deseja? O elenco forte da novela e a qualidade das gravações, o papel de Juliana Paes como protagonista (de relembrar que a mesma ganhou um «Emmy Internacional» em «Caminho das Índias»)  e o facto de ter sido a primeira telenovela exibida no nosso país poderão causar grande impacto perante o público e ascender a valores audiométricos elevados.

Há quem diga que poderei estar a sonhar alto, e provavelmente as críticas fazer-se-ão sentir no final deste Falar TV… Mas, na minha modesta opinião,  «Gabriela» poderá estrear-se com audiências bastante superiores aos valores que foram atingidos pela novela «O Astro». Estamos a falar de uma novela que fez um enorme sucesso e apesar dos seus maus resultados em 2004 (justificáveis por ser a versão original de 1975, em que a qualidade de imagem nada se compara à que existe agora) foi adaptada aos dias de hoje com tecnologias recentes e autoria de Walcyr Carrasco. Se realmente o sucesso do remake da rentrée do canal se verificar, é caso para dizer que “grão a grão enche a SIC o papo”.

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close