Falar Televisão Rubricas

Eutanásia Televisiva

Falar_Televisao 2012

Falar_Televisao 2012

Permitam-me iniciar este Falar Televisão com um pequeno paralelo entre o pequeno ecrã e o futebol. Assim, terminada a época discute-se o futuro de centenas de treinadores nas principais divisões, uma cultura desportiva que invariavelmente traz à baila o nome de Alex Ferguson e os anos que esteve em Manchester.

É que em Portugal as chicotadas psicológicas são o pão nosso de cada dia e os treinadores o bode expiatório dos maus resultados, muita vezes ainda a época vai a meio. Ora em televisão as chicotadas psicológicas são poucas. Portugal que até gosta de importar conteúdos de outros países mas não importa assim tantas ideias, nem a coragem de outras nações de cancelar programas, telenovelas e séries. É triste e constrangedor ver alguns programas ajoelharem-se perante as audiências e vaguearem moribundos pelo já pobre panorama televisivo Portugal.

Assistir penosamente a programas como A Vida Nas Cartas-O Dilema, ao talk show da SIC, Boa Tarde, ou ainda, às novelas da TVI, Doida Por Ti e Mundo ao Contrário, sem que nada seja feito e deixar nos ser autênticos voyeurs destes enfermos programas que gritam por eutanásia televisiva. Por muito menos já outros programas viram as suas vidas interrompidas, num mercado que não é ingrato para todos e onde uns são filhos e outros enteados.

  • João Teles

    Hey, Hey, calma aí, ‘Doida Por Ti’ e ‘Mundo ao Contrário’ são excelentes novelas e não pedem em nada uma eutanásia televisiva, o problema são estas brincadeiras de horário tipicas de uma gestão dos últimos diretores-gerais da TVI. –‘

    • JohnRoft

      Antes das brincadeiras, em questão de ‘Doida Por Ti’ os relativos maus resultados eram uma constante…

      • João Teles

        ‘Doida Por Ti’ não vencia nem ‘Fina Estampa’ nem ‘Cheias de Charme’, é verdade. Mas tinha um público 100% estável e 100% fiel, agora enquanto que ‘Doida Por Ti’ se aguenta razoavelmente bem no horário das 18 horas, ‘Doce Fugitiva’ tem levado abadas da concorrência no horário das 19 horas e os resultados desta última têm sido muito piores que o que DpT fazia quando dava sempre no horário das 19 horas, por isso, DpT não tinha propriamente maus resultados, tinha resultados razoáveis até.

  • João

    Basta ver que cada vez mais o cabo consegue ter melhores audiências que os canais abertos, a coisa de 2 a 3 anos atras e antes disso não acontecia, o que mostra que cada vez mais quem vê televisão em portugal vê cada vez menos a tv aberta. Muito do público que continua a ver a tv aberta talvez mais de 50% é quem ainda não tem tv por cabo. as tv’s precisavam de uma revolução estrutural e de apostar em conteúdos originais, que continuam a ser aposta mas no cabo, com muito menos recursos que a tv aberta, como é o caso dos canais tematicos da sic e dos canais informativos da rtp e da tvi.

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close