Falar Televisão Rubricas

Eurovisão e o desinteresse da RTP

Falar_Televisao 2012

Falar_Televisao 2012

Desde pequeno que vejo o Festival Eurovisão da Canção, é quase um ritual sagrado cá em casa. Sendo novo, não assisti aos tempos áureos em que o Festival da RTP e a participação portuguesa lá fora paravam o país. Hoje o Festival já não desperta o mesmo interesse não só no espectador, como também nos músicos portugueses e na própria RTP.

Ao longos dos últimos anos, muitas vezes se questionou a participação portuguesa na Eurovisão. Os crónicos resultados decepcionantes, a evolução do certame e do género das músicas concorrentes, e a perda de popularidade e de audiências foram motivos para que muitos defendessem que a RTP devia abandonar a competição. E foi isso que este ano a estação pública, no meio de dúvidas sobre o seu futuro e de cortes orçamentais, acabou por fazer. Não sendo algo inédito, mostra ainda assim que a RTP assume que o Festival está longe de ser uma prioridade da estação, como já foi no passado.

Não sei quais foram os custos do envio da delegação portuguesa nos últimos anos, nem sei qual o impacto desta decisão nas contas da empresa pública. Arrisco-me a dizer que provavelmente esta decisão poderia ter sido evitada com outras poupanças. Mas esta  não-participação vem em linha com o desinteresse da RTP no Festival. Desinteresse que se reflectiu, nos últimos anos, em Festivais RTP da Canção feitos “em cima do joelho” e sem grande promoção (com excepção do ano de 2010, em que o evento se realizou no Campo Pequeno e teve direito a duas semi-finais, o que apesar da fraca adesão nas audiências mostrou alguma vontade em fazer diferente e aproximar o Festival dos portugueses).

Filipa Sousa Festival

Muito se diz que “já ninguém vê nem quer ver o Festival“. Será mesmo assim? Não é isso que as audiências dizem. Evidentemente que hoje, depois do advento da TV privada, do Cabo e da Internet, o Festival nunca poderá ter a popularidade de há 25 ou 30 anos. Mas olhemos para os resultados da transmissão da final da Eurovisão no último Sábado: 6,1% de rating e 13,5% de share, cerca de 579 500 espectadores. Muitos dirão que é um resultado muito fraco, pois o Eurofestival ficou muito longe da concorrência. Pelo contrário, eu acho um resultado positivo, se descontarmos o “efeito GfK” nas audiências da RTP. Foi um resultado superior ao que a RTP1 costuma fazer no horário, e permitiu-lhe ter um horário nobre mais competitivo do que o habitual. E se tivermos em contra que a promoção foi quase nula, além do natural menor interesse devido à não-participação de Portugal, acho que é um resultado que demonstra que a Eurovisão ainda tem potencial. Resultados de um passado recente – basta recuar a 2008, por exemplo – mostram que a Eurovisão ainda pode dar alegrias à RTP.

Prova disso foi também o facto de o Festival ter sido um dos temas mais falados no Twitter em Portugal. É um evento que a RTP devia aproveitar para se aproximar de algum público mais jovem do qual está muito afastada. Pena que não o tenha feito nos últimos tempos. Mais ainda vai a tempo: a RTP não fecha a porta a um regresso em 2014. Que seja um regresso a sério, então.

  • sóçe

    A RTP que cative artistas conceituados, em vez dos habituais anónimos, para um festival RTP com maior qualidade (o de 2012 foi uma vergonha), e que lhes proponha um prize money do festival eurovisão por objectivos.
    Por exemplo, passagem à final = um salário de Catarina Furtado; top10 = 2 salários de CF; top5 = 3 salários de CF; mais que isto acho que já seria irrealista pela falta de vizinhança.

    E que não limitem as canções à lingua portuguesa. Poucas são as que passam à final na lingua nativa. Veja-se a razia nos países balcânicos este ano, nem um foi à final.

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close