Falar Televisão

Em Playback não se canta nada bem

A Tua Cara Não me é Estranha é um sucesso. Uma Canção Para Ti foi um sucesso. A Voz de Portugal também podia ter sido um sucesso. O Ídolos já foi um sucesso. Tantos programas, u ponto importantíssimo em comum. Aqui, canta-se. Mal ou bem, canta-se em direto e não em playback. E isto sim é cantar. E assim tem interesse.

Ainda assim, há programas na televisão portuguesa que não pensam nisto. Não sei os motivos, não imagino o porquê, mas, enquanto telespectador, sei bem que não me agrada nada assistir a constantes interpretações de um qualquer cantor nos programas de day-time em playback. Soa mal. É falso. Mais valia passarem apenas como música de fundo. Então quando se toca no ridículo de utilizar a versão ao vivo, ainda mais se estraga. É uma pena que tal aconteça.

Bem sei que este é um assunto sobre o qual muita gente pensa, critica e escreve. E, pensei nele justamente há poucos dias quando estava a ver o 5 Para a Meia-Noite e reparei que no 5, quando há música, há música em direto, e não em playback. Só assim faz sentido. Não sei os motivos para tal, mas não podia deixar de elogiar o feito.

Se assim fosse em todos os portugueses, talvez os cantores nacionais tivessem mais prestígio e menos o rótulo de que cantam mal. Porque ver, constantemente, especiais como os que a TVI faz ao domingo à tarde, ou até mesmo a RTP, com os mesmos cantores, as mesmas músicas e os mesmos playbacks soa mal, muito mal. E é uma pena que isso aconteça.

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close