Falar Televisão

Baralha e dá de novo

Falar_Televisao 2012

Falar_Televisao 2012

«Parte! Dá!», é como se de um jogo de cartas se tratasse, que o cosmos televisivo português pode ser entendido. Nos momentos da verdade o mecanismo é sempre o mesmo e na hora de escolher, a ausência de ideias cansa o telespetador que ainda assim tem no telecomando o seu maior trunfo.

Ver os principais canais apostar repetidamente nos mesmo formatos e introduzir sempre os mesmos duques para a palhaçada, gastando receitas de si já gastas não constituiu, por si só, o melhor dos truques e pode mesmo significar um terno nas audiências. Acreditar numa boa mão para apostar em certas quadras do calendário televisivo não é sempre resultado de uma vitória garantida e a aposta pode ser de risco.

No país das quinas no que toca a televisão estamos já habituados a cenas tristes e cartas furadas onde somos obrigados a assistir como se a um jogo de bisca nos reportássemos onde é predominante pescar os naipes que todos quiseram descartar. É neste jogo que os espetadores são autênticos valetes ao serviço de suas majestades  as damas de copas Teresa Guilherme e Júlia Pinheiro que servem os reis Luís Marques e Luís Cunha Velho neste verdadeiro país das maravilhas, onde invariavelmente mostram o jogo.

E neste jogos com baralhos personalizados, só os ases podem compor a vazada e escolher o rumo de umas partidas viciadas em que por mais que se baralhe o vencedor é sempre o mesmo.

  • Anónimo

    foi a teresa guilherme que escreveu isto??

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close