Audimetria Semanal

Audimetria Semanal (77)

audimetria_semanal2

Mais uma semana passou, e mais uma Audimetria Semanal está a ser lida pelo leitor. Já vamos na septuagésima sétima edição desta rubrica, e a objetividade continua a ser o seu segundo nome.

Nos últimos sete dias, os portugueses tiveram a oportunidade de assistir à comemoração do décimo nono aniversário do terceiro canal, à partida de futebol de qualificação para o Euro 2012 entre Portugal e a Islândia, à estabilização de Rosa Fogo, à liderança da segunda temporada da Casa dos Segredos, ao estado de despercebido da estreia da edição 2 de Peso Pesado, e a tantos outros marcos televisivos.

É com este propósito que o convido a assistir a mais uns minutos de leitura da sua Audimetria Semanal. Está preparado?

Então… seja bem-vindo!

RTP1

Foi nesta sexta-feira que a seleção nacional jogou contra a Islândia para continuar a luta pelo apuramento para o Euro 2012. Tendo a partida terminado com o resultado de 5 a 2 para Portugal, a estação pública conseguiu registar o programa com maior audiência da semana. Por outras palavras a referida partida alcançou 17% de audiência média e 41,9% de share.

Pelo jogo, assim como pela restante programação, a RTP1 conseguiu não só vencer a concorrência ao nível das generalistas, como o próprio conjunto dos canais temáticos. Assim, e com 26,1% de share, o primeiro canal foi o grande vencedor do dia.

Apesar de esta reentre não estar a correr na perfeição à RTP1, com O Elo Mais Fraco a não conseguir, em algumas noites, impor-se frente à concorrência, esta partida de futebol provou que ainda existem conteúdos que interessam aos telespetadores para além de reality-shows e telenovelas. Mesmo sendo o futebol uma aposta mais esporádica por parte da estação pública, quando ela ocorre, não há concorrência que resista.

O futebol ganha, o Telejornal ganha, a RTP1 ganha. Ainda há dúvidas?

RTP2

É uma das apostas da RTP2 para as noites de domingo. O espaço Britcom exibe duas séries da BBC, que marcam o serão pelo seu humor e comédia. A Pequena Grã-Bretanha e A Minha Família continuam a despertar o interesse dos mais curiosos, levando o segundo canal a tornar-se competitivo a partir das 23h.

Por exemplo, no último domingo, Britcom atingiu 1,1% de audiência média e 4,3% de share, tendo sido o terceiro programa mais visto da RTP2. Por outro lado, não esquecer que registou um melhor resultado que outros conteúdos transmitidos ao longo desse dia, tais como Desporto 2:, Zig Zag, Os Simpsons e até os famosos documentários.

Tal como refiro todas as semanas, a RTP2 tem programas de qualidade espalhados na grelha de programação. Diariamente ou semanalmente surpreende os portugueses com uma alternativa mais que consolidada no mundo televisivo. Britcom é apenas um exemplo dessa realidade, que aos sábados à noite n’A Televisão é retratada!

SIC

Com Bárbara Guimarães ao comando, a segunda temporada de Peso Pesado iniciou a sua jornada de forma despercebida. A concorrência de Queluz de Baixo não permitiu um melhor resultado, nem mesmo o último episódio de Laços de Sangue. O final da novela da estação de Carnaxide alcançou 16,2% de audiência média e 37,8% de share, não dando hipóteses à RTP1 e TVI.

Apesar disso, os novos concorrentes do reality-show da SIC não levaram a que os telespetadores continuassem sintonizados no canal de Pinto Balsemão. Com a expulsão da Casa dos Segredos, os portugueses preferiram passar o serão com a televisão ligada à Venda do Pinheiro. Assim, enquanto o concurso da SIC registou 10% de rating e 28,6% de share, o da TVI alcançou 12,4% de audiência média e 37,3% de share.

Uma derrota pouco pesada, mas que pode antecipar uma temporada deste reality-show morna. Depois de Júlia Pinheiro ter conseguido uma audiência bastante razoável, Bárbara Guimarães terá de lutar contra a falta de novidade da versão portuguesa de Biggest Loser. Os concorrentes são diferentes, é verdade, contudo a temática do concurso é a mesma, os objetivos são os mesmos, as próprias histórias colidem.

Depois de um elevado investimento, será que existirá uma recompensa positiva?

TVI

Fátima Lopes afirma peremtoriamente que A Tarde É Sua é líder. Contudo, questiono, corresponderá mesmo essa afirmação à realidade? Mesmo sabendo que Ilha dos Amores perde para a concorrência, o talk-show da estação de Queluz de Baixo tem conseguido uma audiência estável.

Agora, será um líder nato? Duvido. Longe vão os tempos em que Portugal no Coração, Contacto e As Tardes da Júlia conseguiam uma liderança confortável, não sempre necessário o lead-in da ficção brasileira e nacional. No entanto, e neste momento, os tempos são outros.

Por exemplo, na terça-feira, A Tarde É Sua registou 2,6% de audiência média e 23% de share, Boa Tarde alcançou 2,4% de rating e 21,6% de share e Portugal no Coração não constou no top dos 10 programas mais vistos da estação pública. A diferença entre a TVI e a RTP1 no que toca aos talk-shows da tarde é notável, no entanto quando o campeonato ocorre com o terceiro canal a conversa é outra.

É necessário cautela nas afirmações dos apresentadores, pois nos dias que correm, nada é certo. Nada mesmo.

Até para a semana!

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close