Audimetria Semanal

Audimetria Semanal – 59ª Edição

audimetria_semanal2

Muito boa noite. Seja bem-vindo a mais uma edição da “Audimetria Semanal”.

A semana que passou foi marcada pelos valores alcançados pelos programas que ocuparam o top dos mais vistos dos últimos dias. Por outras palavras, e à excepção de domingo, dia em que os “Globos” foram entregues, as novelas, os noticiários, os concursos, sofreram com o calor. Os dias quentes estão à porta, e a televisão já começa a ressentir-se com esse facto. Assim, desde segunda-feira, o programa com maior audiência média do dia não chegou à casa dos 13%.

Com as eleições à porta, a Informação não se destacou, acabando por ficar relegada para segundo plano.

No que toca a talk-shows, as posições mantiveram-se, tal como é habitual nesta rubrica. Por fim, e no que toca a “Perdidos na Tribo”, de salientar que o programa da estação de Queluz de Baixo registou o resultado mais baixo de sempre.

Tudo isto, e muito mais, na “Audimetria Semanal”!

Manhãs (10:00 – 13:00)

Cristina Ferreira venceu mais uma vez a concorrência. Com ou sem Manuel Luís Goucha, a apresentadora conseguiu atingir melhores resultados que as duplas da concorrência. Por exemplo, no dia da criança, “Você na TV!” atingiu os 3,7% de audiência média e 37,8% de share. Com valores desta expressividade, Jorge Gabriel e Sónia Araújo ficaram em segundo lugar nos últimos sete dias, e Ana Marques e Júlia Pinheiro em último. Sem surpresas, estas manhãs…

Tardes (14:00 – 20:00)

Com os talk-shows da tarde sem grandes variações audiométricas, o “Tempo de Antena” acabou por condicionar os resultados dos conteúdos televisivos a partir das 19:00. Assim, e apesar de “Morangos com Açúcar” ter liderado, “O Preço Certo” permanecido em segundo lugar e “Ti Ti Ti” em terceiro, os seus valores não surpreenderam. Aliás, no caso da novela brasileira, os 3,6% de rating da última quita-feira provaram isso mesmo.

Quanto a “Portugal em Directo”, Dina Aguiar não conseguiu alcançar a estabilidade já verificada noutros períodos. Na quinta-feira o resultado de 25,8% de share foi positivo, contudo não foi suficiente para colmatar as falhas dos restantes dias.

“Portugal no Coração” ficou fora dos mais vistos da RTP1, assim como a maior parte das prestações de “Boa Tarde”. Destaque para a de segunda-feira, que chegou aos 24,8% de share. Fátima Lopes, apesar de não ter liderado, manteve o seu público fiel, com algumas metas importantes (quarta-feira esteve perto dos 25 pontos).

Ao nível das telenovelas, a disputa entre “Alma Gémea”, “Ribeirão do Tempo e “Revelação” foi notória. Ainda assim, foi a segunda a grande vencedora das tardes. Mesmo com a produção da Globo a ultrapassar em alguns dias os 30% de share, foi a RTP1 que ficou com o título de líder. É caso para dizer que os portugueses não procuram apenas serviço público na estação do Estado…

Noite (21:00 – 00:00)

Com os cinco programas mais vistos dos últimos dias a corresponderem a “Remédio Santo”, “Anjo Meu”, “Laços de Sangue” e “Peso Pesado”, o único aspecto a assinalar para além da vitória da TVI em horário nobre, foi o facto de os ratings obtidos terem sido significativamente inferiores aos de semanas anteriores. A única excepção pertenceu aos “Globos de Ouro” que, no domingo, se destacou. A XVI edição deste evento não desiludiu os telespectadores pelos resultados que alcançou. Se a “Passadeira Vermelha” ultrapassou os 14% de rating, a gala em sim chegou praticamente os 13%. Para trás, ficou o concurso da estação de Queluz de Baixo, “Perdidos na Tribo”. O programa apresentado por Leonor Poeiras não foi além dos 11,7% de rating, o seu pior resultado desde que estreou.

Para além disso, de referir os valores de “Último a Sair”, que mesmo não liderando tem mantido o seu público fiel. Apesar de, em alguns dias, cair a números pouco positivos, os 6,7% de audiência média obtidos na terça-feira significam a meu uma ligação dos portugueses a esta aposta da RTP1.

Por fim, de referir “Estado de Graça”, que no dia de ontem alcançou 7,9% de rating e 23,3% de share.

Figura da semana

A estreia de “Amor É Um Sonho” não poderia ser esquecida na edição deste sábado da “Audimetria Semanal”. Aquela que à partida seria uma minisérie da TVI com alguns episódios, passou a ser uma espécie de primeira e segunda parte de um programa de televisão. Porquê? Os 7,1% de audiência média e 26,9% de share acabaram por ditar este pobre destino. Afinal, esta nova aposta do canal da Media Capital foi ultrapassada por “Laços de Sangue”. É caso para se questionar se compensa ou não substituir uma novela por este tipo de produtos ao nível das audiências.

Número da semana

31,2%

… foi o share alcançado pela última emissão de “Depois da Vida”, que teve como convidada Mafalda Arnouth.

MMV – Minuto Mais Visto da Semana

O Minuto Mais Visto desta Semana pertenceu aos “Globos de Ouro”. A edição deste ano obteve, às 23 horas e 14 minutos, cerca de 18,7% de rating e 58,4% de share. Em números absolutos quase um milhão e oitocentos mil telespectadores estavam sintonizados na SIC aquela hora. Em segundo lugar ficou o futebol da RTP1 e, em terceiro, a ficção da TVI.

 

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close