Audimetria Semanal

Audimetria Semanal – 58ª Edição

audimetria_semanal2

Muito boa noite. Seja bem-vindo a mais uma edição da “Audimetria Semanal”!

Resumo Semanal

As constantes sondagens políticas nos noticiários das generalistas ganharam fama, levando os portugueses a estar atentos a elas. Por outro lado, notou-se uma ligeira quebra de “Laços de Sangue”, depois da novela da estação de Carnaxide se ter sobressaído na semana passada.

Ao nível de produções nacionais, de referir igualmente a permanência no primeiro lugar do top dos cinco programas mais vistos do dia de “Remédio Santo”. Não esquecer, na TVI, a final da “Taça de Portugal”, que atingiu os 52% de share no último domingo, um valor bastante satisfatório que contribuiu para que o canal da Media Capital ganhasse o dia.

De referi igualmente os programas de informação da estação pública, que esta semana ganharam audiência. Se o “Especial Informação” sobre Strauss-Kahn obteve 11% de rating, a entrevista a Jorge Nuno Pinto da Costa chegou aos 12,5% na segunda-feira.

Tudo isto, e muito mais, na “Audimetria Semanal” deste sábado!

Manhãs

36,8%

… foi este o share da emissão de “Você na TV” da última terça-feira. O talk-show matinal da estação de Queluz de Baixo continua na liderança, não dando oportunidade à concorrência de crescer em audiências. Aliás, nem mesmo a operação de Manuel Luís Goucha levou a que o programa perdesse telespectadores.

Nesse sentido, resta dizer que a “Praça da Alegria” manteve o segundo posto, e que Júlia Pinheiro permaneceu longe de Cristina Ferreira e Jorge Gabriel/Sónia Araújo. “Querida Júlia” ficou fora do top dos dez programas mais vistos do dia da SIC, o que acabou por prejudicar o “Primeiro Jornal”.

Mais uma semana de derrota para o terceiro canal.

Tardes

24,4%

… foi o share alcançado pela emissão de quarta-feira de “Agora É Que Conta”. Apesar de ser um resultado esporádico, a verdade é que é de assinalar a subida de Leonor Poeiras no horário das 17h00.

Em relação aos talk-shows, os resultados continuaram a ser baixos para os três canais. Se “A Tarde É Sua” ficou atrás das novelas brasileiras, “Boa Tarde” também não conseguiu fazer muito melhor com Conceição Lino. Ambos os programas rondaram uma média ponderada entre os 20% e os 22% de share nos últimos dias. Quanto a João Baião e a Tânia Ribas de Oliveira, ficaram longe de “Portugal no Coração”.

“Ribeirão do Tempo” bateu “Alma Gémea”, levando a RTP1 a liderar no horário pós-“Jornal da Tarde”. A novela da TV Record tem surpreendido os telespectadores e, nos últimos capítulos, levado a melhor

Não esquecer igualmente o famoso “Tempo de Antena”. Mesmo com este acessório no horário das 19h00, as posições mantiveram-se. “Morangos com Açúcar” na liderança, no top dos dez programas mais vistos do dia, “O Preço Certo” no segundo posto, a alternar em alguns momentos com “Ti Ti Ti”.

Por fim, e sobre “Portugal em Directo”, acrescento apenas que a média dos 23/24% de share foi alcançada, meta que tem sido traçada, a meu ver, pela estação pública para o noticiário de Dina Aguiar.

Noite

13,6%

… foi a audiência média da novela que inicia o horário nobre da estação de Queluz de Baixo na segunda-feira. Com “Remédio Santo” na liderança, e um segundo lugar consolidado do “Jornal das 8”, “Anjo Meu” obteve uma boa audiência na última semana. A produção da estação de Queluz de Baixo não desiludiu, vencendo “Peso Pesado”. Quanto a “Laços de Sangue”, apesar de ter conseguido atingir bons resultados, ficou atrás da novela protagonizada por Alexandra Lencastre.

No que toca a “Sedução”, liderança consolidada sobre “Araguaia” e companhia limitada. Ainda antes, “Quem Quer Ser Milionário – Alta Pressão”, fez o seu papel, tal como tenho referido tantas vezes, obtendo um share médio entre os 15 e os 20%.

“Portugal Tal & Qual” subiu. Na quinta-feira a série humorística da estação pública alcançou 9,1% de audiência média e 23,3% de share (oitavo programa mais visto do dia). O percurso desta produção tem assim sido pautado por uma série de valores irregulares, alguns sem explicação.

Quanto a “Cuidado com a Língua”, tal como noutras emissões, ficou atrás da concorrência. Apesar de o programa ter adoptado o novo acordo ortográfico os portugueses parecem ainda muito distantes desse facto. 12,1%, foi o share alcançado pelo programa na segunda-feira.

No fim-de-semana, de salientar a aproximação entre “Peso Pesado” e “Perdidos na Tribo – Famosos”. Mesmo sabendo que o concurso da estação de Queluz de Baixo liderou, a diferença em relação ao da SIC registou uma queda significativa.

Figura da semana

Jornal da Tarde

Os pivôs do noticiário da hora de almoço da estação pública estão de parabéns. Apesar de ser “Você na TV!” o líder das manhãs, isso não impossibilita que os telespectadores não se sintonizem a partir das 13h00 no primeiro canal, para se informarem. Por exemplo, nesta quarta-feira o “Jornal da Tarde” chegou aos 7,1% de rating e 35,6% de share. Curiosamente, em segundo lugar, nesse mesmo dia, posicionou-se o “Primeiro Jornal”, com 5,2% de audiência média. Em último lugar ficou a TVI, com o “Jornal da Uma”.

Ainda sobre o noticiário da horário de almoço da estação pública não esquecer que foi o nono programa mais visto do dia.

Número da semana

1,9%

… foi o rating obtido pela emissão das 19:00 do noticiário “Hoje”, na última quinta-feira.

MMV – Minuto Mais Visto da Semana

O Minuto Mais Visto desta semana foi ganho pela estação de Carnaxide. A final da “Liga Europa”, que colocou em campo o Futebol Clube do Porto e o Sporting de Braga atingiu os 29,5% de audiência e os 64,5% de share às 21 horas e 36 minutos do dia 18 de Maio. Em valores absolutos, quase dois milhões e oitocentos mil telespectadores estavam  sintonizados na SIC aquela hora.

 

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close