Audimetria Semanal

Audimetria Semanal

Boa noite. Seja bem vindo à quadragésima nona edição da “Audimetria Semanal”.

Resumo semanal
A semana que passou foi marcada por inúmeros acontecimentos. Se a despedida de “Mar de Paixão” prendeu milhares aos ecrãs, a estreia de “Anjo Meu” também não deixou ninguém indiferente. Porém, foi a demissão de José Sócrates que comandou audiências na quarta-feira, com resultados bastante positivos para a RTP1 e SIC Notícias. Mais uma vez os portugueses provaram que a informação é algo que lhes interessa, e que o estado do país merece especial atenção por parte das estações de televisão. 

Por outro lado não esquecer a liderança de Cristina Ferreira e Manuel Luís Goucha nas manhãs da TVI. Tal como poderemos ver mais abaixo, a dupla de apresentadoras continua bem à frente de Júlia Pinheiro e de Jorge Gabriel e Sónia Araújo.

Por outro lado o duelo entre “Uma Canção Para Ti” e “Portugal Tem Talento” não deixou ninguém indiferente. A competição entre os dois formatos está ao mais alto nível, de tal forma que no último domingo a diferença em termos de audiência média foi de apenas 0,1%.

Passemos então a uma análise mais pormenorizada aos principais horários da televisão portuguesa.

Manhãs (10:00 – 13:00) 

Tal como referido no “Resumo Semanal”, Cristina Ferreira e Manuel Luís Goucha continuaram na liderança. Em segundo lugar permaneceu “A Praça da Alegria” e, por fim, “Querida Júlia”.

Júlia Pinheiro e a sua colega Ana Marques continuaram a não surpreender os telespectadores, e nem mesmo o “Jogo da Glória” parece ter vingado junto dos portugueses. No plano oposto está mesmo “Você na TV!”. O talk-show das manhãs da estação de Queluz de Baixo continua a atingir shares superiores a 30%, tendo estes sido fomentados pelo facto de o programa se iniciar às dez horas em ponto. Um aspecto a favor da dupla da TVI, e contra o canal de Pinto Balsemão. Júlia Pinheiro ainda tem de batalhar para conseguir agarrar as manhãs da SIC!

Tardes (14:00 – 20:00) 

O desaparecimento de “Portugal no Coração” dos dez programas mais vistos da estação pública foi um dos aspectos que marcou a semana que passou. Apesar desta queda Fátima Lopes esteve morna, estado que continua longe de ser alcançado por Conceição Lino. As boas tardes que a apresentadora dá aos telespectadores da SIC permanecem nos 20% de share, algo positivo tendo em conta anteriores resultados. Contudo, a verdade é que o talk-show da SIC está longe da liderança.

Em relação a “Agora É Que Conta”, nem mesmo com a chegada de Iva Domingues à condução do programa as audiências melhoraram. Assim, “Ti Ti Ti” tem aproveitado a onda da TVI e subido os seus resultados. Por exemplo, na quinta-feira a telenovela da TV Globo alcançou 4,8% de rating e 24,8% de share. Apesar deste crescimento, Dina Aguiar continuou a ser uma boa rampa de lançamento para a liderança de “O Preço Certo”.
Em relação a “Morangos com Açúcar”, nada a acrescentar. Mais uma vez a série da estação de Queluz de Baixo assegurou o segundo lugar, porém com um “Escrito nas Estrelas” a morder os calcanhar ao horário das 19:00 da TVI.

Não esquecer igualmente o noticiário da RTP2, “Hoje”. Apesar de poder passar despercebido, na última quarta-feira chegou aos 12,8%, tendo este número sido justificado pela possível demissão de José Sócrates.

Noite (21:00 – 00:00) 

A estreia de “Anjo Meu” tirou algum protagonismo à liderança de “Espírito Indomável”, novela que diariamente ocupava o primeiro lugar do top dos cinco programas mais vistos do dia. Assim, com a nova produção da TVI, esta realidade modificou-se. “Anjo Meu” passou agora a ser a oferta televisiva com maior audiência diária, relegando “Espírito Indomável” para o segundo posto. Apesar disto, não é de mais referir que a novela protagonizada por Vera Kolodzig continuou a liderar frente à concorrência.
Quanto a “Laços de Sangue”, e mesmo não conquistando a preferência dos telespectadores nacionais, percorreu o seu caminho. Com um público fiel, a aposta da SIC permanece nas boas graças do canal. O mesmo não se pode dizer de “Araguaia”, produção que não tem surpreendido com os seus resultados. Apesar de não obter shares inferiores a 20%, não se consegue sobressair, levando-nos a concluir apenas que existe “mais uma novela” no terceiro canal. Por fim, e na área da ficção, o duelo entre “Passione” e “Sedução” continuou morno, com luz verde para a produção de Rui Vilhena. 

Em termos de comédia, a estreia de “Portugal Tal & Qual” foi satisfatória. Com 10,1% de audiência média e 23,6% de share, a série da RTP1 alcançou um resultado superior ao de “A Família Mata”, da SIC. Apesar deste facto, e de nem sempre vencer a concorrência, a produção da estação de Carnaxide acaba por ser um valor seguro para a grelha de programação.

Por fim, e no que toca à informação, de salientar apenas o espaço de reportagem “Linha da Frente”. Esta semana “O Rosto dos Novos Pobres” atingiu os 10,9% de rating e 25,4% de share, tendo sido o quinto programa mais visto do dia!

Figura da semana 

José Carlos Malato continua a ser aposta da estação pública. Apesar de não vencer em horário nobre, o apresentador está de pedra e cal no seu “Quem Quer ser Milionário – Alta Pressão”. Em terceiro lugar nas audiências, o concurso segue a cultura geral dos telespectadores, e procura ser uma alternativa para a ficção da concorrência. Mesmo com shares inferiores a 20%, a RTP1 conta com um valor seguro no horário que segue a liderança do “Telejornal”. José Carlos Malato é um mestre e uma das poucas salvações das noites do primeiro canal!
Número da semana
7,4%
… foi o share alcançado pela SIC Notícias na última quinta-feira. O canal temático de Carnaxide foi o quarto mais visto do dia, sendo que o TVI 24 foi o sexto, com 2,5%. A RTN ficou-se pelo nono lugar, com um share na ordem dos 2%.
MMV – Minuto Mais Visto da Semana 

Tal como na semana passada, o futebol marcou o Minuto Mais Visto da Semana. A partida entre o Paris SG e o Sport Lisboa e Benfica, transmitida no dia 17 de Março, atingiu os 21,3% de audiência média e 56,5% de share às 19 horas e 52 minutos. Assim, e em números absolutos, mais de dois milhões de telespectadores estavam sintonizados na SIC a essa hora. Em segundo lugar deste campeonato ficou a TVI, com o seu “Espírito Indomável”. O episódio da novela transmitido no dia 16 de Março alcançou 19,6% de rating pelas 21h52.

  • Luís Emiliano Vaz Fernandes

    O Boa tarde não está longe da liderança. Vocês não estão a analisar a semanada toda correctamente, até porque podiam ter destacado a primeira liderança dela face à Fátima lopes

  • Diogo Santos

    Bom dia! Está a querer dizer-me que o “Boa Tarde” vai vencer a concorrência da próxima semana? Apesar dessas vitórias que, de facto, aconteceram, os valores são ainda instáveis, o que me faz crer que Conceição Lino ainda terá de suar bastante para atingir o primeiro lugar.
    Mas sim, concordo que o programa está a ganhar ritmo ao nível dos conteúdos.

    Cumprimentos,
    DS

  • Liliana

    O Malato ficou muito admirado por ter na sua frente uma senhora que é decoradora de bolos. Queria dizer-lhe que é uma profissão muito antiga, já Leonardo Da Vinci organizava banquetes, tendo inventado as mais diversas maquinas para ajudar na confecção de alimentos: de picar alhos, picar carne, assador automático, máquina de cortar pão movida a energia eólica, dispositivo para tirar as rãs da agua, moinho de Pimenta e muitos outros.
    Assim recomendo-lhe a leitura do livro ” Notas de cozinha de LEONARDO DA VINCI” que além das receitas que julgo que vai adorar, fala sobre a etiqueta a mesa à epoca.
    LMS

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close