Audiências à Lupa

Audiências à Lupa: setembro 2011

audiencias_a_lupa

Hoje regressamos com a análise do mês de setembro. Avancemos com esta tripla edição do Audiências à Lupa e não percamos mais tempo. Vamos ao que interessa. Olhemos as Audiências à Lupa do mês de setembro.

No âmbito desta análise, é importante frisar a estreia de Secret Story 2 no dia 18 de setembro. Eu diria que esse foi o momento da “reviravolta” ao nível audimétrico, mas já lá chegaremos. Primeiro que tudo, olhando para a evolução da TVI, verificamos que continua líder, mas agora em vez de ter a luta da SIC e RTP1, passou a ser ela a aproximar-se do Cabo, em particular na segunda metade do mês. A RTP1, essa, ocupa cada vez mais a terceira posição do pódio, enquanto a SIC se conseguiu, apesar de tudo, manter relativamente constante. Podemos também verificar que a RTP2 registou uma ligeira quebra que também coincidiu com a estreia de Secret Story 2.

Assim, Teresa Guilherme e os seus segredos conseguiram mudar, de certa forma, a televisão nacional, pelo menos a nível de resultados. Nenhum canal conseguiu manter-se igual. Diria que a SIC, ainda assim, conseguiu manter-se dentro dos seus valores normais que, verdade seja dita, não chegam para bater a TVI, ou muito raramente chegam, pois aqueles que eram os seus melhores dias (fins-de-semana) agora contam com o peso pesado Secret Story, que é uma concorrência demasiado feroz, pelo menos no mês de setembro. Vejamos, contudo, o gráfico que ilustra a evolução audimétrica aos fins-de-semana.

Tal como referimos anteriormente, a SIC acabou por perder o peso que tinha aos fins-de-semana, sendo esta tendência mais preponderante a partir da estreia de Secret Story. De realçar também o crescimento do programa apresentado por Rita Pereira que, apesar de ter começado por ser batido por Chamar a Música acabou por terminar com resultados razoáveis.

Outro aspeto que importa notar é que a TVI conseguiu aproximar-se mais do Cabo e para isso contribuiu, de facto Secret Story. Goste-se ou não do formato, a verdade é que consegue alcançar resultados estrondosos e mexer por completo com o panorama televisivo nacional. Olhemos estes números sumariados, como habitual, no quadro apresentado em seguida.

O que podemos concluir é que a RTP1 é cada vez mais a terceira estação de televisão mais vista, com a TVI a distanciar-se da estação pública mas também da SIC, aproximando-se dos valores do Cabo, embora este continue bastante destacado. Para além disso, importa referir que a RTP1 registou um valor mínimo terrível, apresentando, a par com a TVI, a maior amplitude audimétrica. A SIC, essa, vai-se mantendo na segunda posição, mas se se pode vangloriar de ter conseguido aumentar a sua audiência média do mês, possivelmente, devido a Laços de Sangue, a verdade é que não se consegue aproximar decisivamente da frente da corrida das audiências. Será que Peso Pesado 2 conseguiu ajudar a estação de Carnaxide a superar este desafio? Amanhã saberemos o que Bárbara Guimarães e os seus Pesos Pesados conseguiram, visto que analisaremos o mês de outubro. Esperamos por si!

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close