A Reportagem Rubricas

A Reportagem – «Festival Eurovisão da Canção 2013» – 2ª parte

Reportagem ESC 2013

Depois de apresentadas as canções da primeira semifinal do Festival Eurovisão da Canção 2013, que aconteceu esta terça-feira em Malmö, é chegada a altura de ficar a conhecer um pouco melhor os temas da segunda semifinal e da final.

Letónia | PeR – «Here We Go»

Em 2013, a Letónia vai ser representada pela banda PeR, com a música «Here We Go». PeR é a abreviação de Please Explain the Rythm. A banda foi formada em 2007 e tem como influências musicais os géneros Pop e Beatbox. O refrão deste tema é algo repetitivo e um dos portes fortes  da atuação acontece quando o nome do país passa no ecrã.

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=kFho4GEMHgI]

[divider]

San Marino | Valentina Monetta – «Crisalide»

O povo samarinês já participou quatro vezes na Eurovisão, mas nunca conseguiu chegar à grande final. Valentina Monetta, nascida em 1975, participou neste festival no ano passado e, agora, está de volta para representar o seu país. Cantada em italiano, «Crisalide» fala sobre a crise e, segundo o autor, pretende passar uma mensagem para países como a Espanha e a Grécia – que passam por uma situação financeira menos boa.

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=xi8mZ2ejLcE]

[divider]

Macedónia | Esma & Lozano – «Pred da se razdeni»

Esma cresceu no meio da raça cigana e esteve sempre envolvida em movimentos artísticos, como poesia e dança. Vlatko (ou Lozano) para os íntimos ficou conhecido ao participar no programa Mak Dzvezdi. A canção que vão interpretar, «Pred da se razdeni», fala essencialmente sobre amor.

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=-LwGGo5ZfF8]

[divider]

Azerbaijão | Farid Mammadov – «Hold Me»

Nascido em 1991, em Baku (capital do Azerbaijão), Farid Mammadov demonstrou desde cedo interesse pelo mundo da música – em especial pelo Jazz e pelo Soul. «Hold Me» dá continuidade ao registo adotado pelo Azerbaijão nas  suas últimas participações no festival. Desde 2010 que este país investe em temas com muito drama e amor. E a canção que Farid vai apresentar não foge à regra.

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=r5egVzkZGTg ]

[divider]

Finlândia | Krista Sigfried – «Marry Me»

O aparecimento de Krista no meio musical acontece com a sua participação no The Voice finlandês. À partida, a Finlândia parece ser uma das propostas mais ousadas deste ano. «Marry Me» é um tema Pop que não estamos habituados a ver na Eurovisão – mais americano e menos europeu. É como se Lady GaGa tivesse decidido ir ao festival ou como se Katy Perry decidisse ousar um pouco mais.

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=0uxtGRWCvIU ]

[divider]

Malta | Gianluca Bezzina – «Tomorrow»

Malta escolheu o cantor Ginaluca Bezzina para representar o país, com a música «Tomorrow». O jovem nasceu em Qrendi, Malta, em 1989. É o terceiro filho de uma família de irmãos, todos eles músicos. O tema que vai interpretar é alegre, tem uma letra simples e um ritmo que se pode intitular «contagiante».

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=8WmJXIR9xtw ]

[divider]

Bulgária | Elitsa & Stoyan – «Samo Shampioni»

Elisa e Stoyan conheceram-se no início da década passada e, desde então, tornaram-se parceiros musicais. Em 2007, tentaram a sua sorte na Eurovisão e cá estão eles novamente. A letra de «Samo Shampioni» é como se fosse uma antiga cantiga, daquelas que se houve falar nas aulas de história, por exemplo.

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=8nMuuhR_Xis]

[divider]

Islândia | Eyþór Ingi Gunnlaugsson – «Ég á lif»

Eyþór é conhecido na Islândia pelo seu trabalho no teatro, tenho já sido premiado pelo seu trabalho. Chegou a integrar uma banda de metal melódico, mas não conseguiu alcançar o sucesso. A letra da canção é um pouco simplória, o que até pode ser justificável pelo bem da rima, mas no idioma original a canção não rima.

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=ZxXsZtW-l4w ]

[divider]

Grécia | Koza Mostra – «Alcohol Is Free»

Koza Mostra é um grupo musical formado há relativamente pouco tempo, com músicos que já fizeram parte de outras bandas. Depois de alguns anos a levar ao festival músicas algo repetidas, a Grécia decidiu voltar a apostar numa onda diferente. Contudo, essa “onda” não está a receber as melhores críticas, pois os Koza Mostra estão a ser comparados pelo seu estilo “freak” com os vencedores Lordi.

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=hJ-3EwFyQvY]

[divider]

Israel | Moran Mazor – «Only For Him»

Moran Mazor estudou música e piano na infância e, mais tarde, começou a dedicar-se às forças aéreas israelenses. A jovem cantora possui uma característica: raramente atua em palco sem os seus grandes óculos, que já são a sua marca. «Rak Bishvilo» foi a canção escolhida para representar o seu país na Eurovisão e reúne os ingredientes certos para fazer sucesso: uma voz bonita, com toques de romantismo e um arranjo musical dramático.

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=YXNKKkfaLFY]

[divider]

Arménia | Dorians – «Lovely Planet»

Dorians consiste numa formação entre o vocalista Gor Suhyan com a sua banda de acompanhamento: Gagik Khodavirdi (guitarra), Edgar Sahakyan (baixo), Arman Pahlevanyan (teclado) e Arman Jalalyan (bateria). A melodia de «Lovely Planet» é agradável e o refrão fica na cabeça. Contudo, não há nada de muito especial neste tema que o faça chegar à final.

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=JSs03Sp-4ME]

[divider]

Hungria | ByeAlex – «Kedvesem»

ByeAlex é jornalista: trabalha como editor na revista húngara Tattoo e tem formação em filosofia. A sua carreira como músico profissional aconteceu depois da universidade e a notoriedade veio através das rádios. «Kedvesem» quer dizer “amada”. Não há como negar: é mesmo uma canção de amor.

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=65q4sUq6XOk ]

[divider]

Noruega | Margaret Berger – «I Feed You My Love»

Margaret Berger, 27 anos, venceu o tradicional Melodi Grand Prix e vai interpretar «I Feed You My Love». Esta é sobretudo uma canção com uma melodia que remete ao sombrio, ao desconhecido. O ritmo da música desperta uma leve sensação de desconforto, de medo de algo que se não se sabe o quê…

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=1hnC6T3cOzo ]

[divider]

Albânia | Adrian Lulgjuraj & Bledar Sejko – «Identitet»

Adrian Lulgjuraj começou a sua carreira musical em 2010, participando em vários programas televisivos e festivais de música. Já Bledar Sejko participou no Festivali i Këngës com o seu antigo grupo – Thunder Way. Sejko é um ótimo guitarrista e Adrian tem um espírito roqueiro incrível, que pode ser claramente conferido nos palcos.

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=CEy5n_eANwA ]

[quote][/quote]

Geórgia | Nodi & Sophie – «Waterfall»

Em 2013, a Geórgia aposta na dupla romântica Nodi Tartishvili & Sophie Gelovani, com a música «Waterfall». O compositor deste tema é Thomas G:son, responsável por «Euphoria» de Loreen – a grande vencedora do ano passado. Em Malmö, a Geórgia será o 15º país a apresentar-se na segunda semifinal.

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=hUSBPRkdmzI]

[divider]

Suiça | Takasa  – «You and Me»

Os membros da banda Takasa são: Sarah Breiter (vocalista), Jonas Gygax (guitarra), Katharina Hauri (tambores), Christoph Jakob (vocalista), Emil Ramsauer(violoncelo) e Michel Sterckx (trombone). «You and Me» é uma música de Pop-rock bem comum, que não apresenta nada que não tenhamos visto em edições anterior. Ainda assim, é uma boa música e pode-se dizer que é bem produzida.

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=fBGpqq2LFSQ]

[divider]

Roménia | Cezar – «It’s My Life»

Cezar formou-se na prestigiada Academia de Música Giuseppe Verdi, com notas máximas nos seus exames finais. Os seus fãs deram-lhe o nome “A Voz”, dada a qualidade do seu canto. Durante os três (intermináveis) minutos de «It’s My Lfe», o cantor demonstra uma enorme variedade de caretas.

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=8pNEEb6dzi8]

França | Amandine Bourgeois – «L’Enfer Et Moi»

Vencedora da sexta edição do Ídolos francês, Amandine conta já com dois álbuns editados, tendo o primeiro chegado à quinta posição na tabela gaulesa dos mais vendidos. Selecionada pela estação pública francesa para cantar «L’enfer et moi», música cheia do seu estilo, que iria, segundo a própria, direitinha para o seu terceiro álbum.

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=YQJaab8j4fU]

[divider]

Alemanha | Cascada – «Glorious»

Natalie Horler, 31 anos, ou Cascada, no seu nome artístico, não será, propriamente, uma desconhecida do público europeu, quando pisar o palco este sábado. Na cena musical eurodance desde 2002, chega ao festival com «Glorious», tema com que venceu a final alemã. Séria candidata à vitória, não seria de estranhar, assistirmos a dois festivais na Alemanha no espaço de três anos.

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=Y77A9-hQAp0]

[divider]

Itália | Marco Mengoni – «L’Essenziale»

Na mundo da música há três anos e com dois álbuns editados, Marco Mengoni, 24 anos, chega ao ESC 2013 depois de vencer o mítico «Festival de San Remo», com o mesmo tema que apresentará em Malmö. «L’Essenziale» é uma balada capaz de um bom lugar.

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=unRjK82bDLw]

[divider]

Reino Unido | Bonnie Tyler – «Believe in Me»

Este ano o Reino Unido aposta numa das estrelas mais cintilantes dos anos 80. Bonnie Tyler, hoje com 63 anos, foi a escolha da BBC para o festival, que por terras de Sua Majestade, não tem dado bons resultados. Com «Believe in Me», uma balada bem ao estilo da cantora, é possível que se dê um salto, comparativamente ao último lugar do ano passado.

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=cqXk_FRw62Q]

[divider]

Espanha | El Sueño de Morfeo – «Contigo Hasta el Final»

Este ano a Espanha repete a fórmula de 2012, escolhendo um nome já definido na indústria de música espanhola. Através da doce voz de Raquel del Rosário, os El Sueño de Morfeo, banda formada em 2002, levam uma música muito tradicional e com feeling positivo. Apesar de não ser uma grande música, poderá ficar na segunda metade da tabela.

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=WQCvukXs35Y]

[divider]

Suécia | Robin Stjernberg – «You»

Os anfitriões da edição deste ano, a Suécia, faz-se representar por Robin Stjernberg, 22 anos, segundo classificado no Ídolos sueco e vencedor do Melodifestivalen. Com uma boa voz e refrão que fica no ouvido, é uma das candidatas a um excelente lugar.

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=oJyvF02LNNA]

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close