RTP

Votos fraudulentos no Festival da Canção




Desde a semana passada que a RTP pôs online, no seu site, 90 segundos de 24 músicas para as pessoas votarem nas suas três músicas preferidas. O objectivo é simples: as 12 músicas mais votadas constituirão o Festival da Canção. A RTP e o Portal Sapo acabaram por detectar a existência de votos fraudulentos em algumas canções.









Os votos fraudulentos têm sido retirados duas vezes por dia e vão continuar a sê-lo até à data limite da votação, ou seja, até sábado, dia 31 deste mês.

Segundo o jornal “Correio da Manhã”, o canal estatal e o portal determinaram que seriam considerados votos fraudulentos os que fossem enviados por servidores de e-mails temporários. Segundo um comunicado da RTP “estes servidores temporários permitem obter contas de e-mail sem necessidade de estar registado, permitindo a um mesmo utilizador votar sucessivamente na canção que desejar” e adianta que “como medida correctiva foi estabelecido que todos os votos provenientes desses domínios (servidores de e-mails temporários sem necessidade de registo) não serão contabilizados na votação do festival, tendo sido retirados”.

A RTP e o Sapo conseguem detectar os e-mails temporários graças ao IP, ou seja, a identidade de cada computador na internet, acabando por saber a sua proveniência. Sendo assim, se um utilizador de computador criar várias contas de e-mail será sempre identificado através do IP.

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close