RTP

«Vila Faia» estreou há 30 anos

Vila Faia

Faz hoje precisamente 30 anos que chegou à televisão portuguesa a primeira novela nacional. «Vila Faia» estreou na RTP a 10 de maio de 1982 e marcou o início da produção de novelas nacionais (primeiro na RTP, antes do aparecimento das privadas, e depois na SIC e TVI). Nicolau Breyner, um dos protagonistas da novela, recorda-a agora, dizendo à agência Lusa que foi «uma aventura lindíssima».

Quando «Vila Faia» estreou, os portugueses já tinham o hábito de ver telenovelas, depois de terem visto, cinco anos antes (em 1977), a produção brasileira da TV Globo, «Gabriela», que dominou os serões dos telespetadores. E, cinco anos depois dessa novela brasileira, a produtora Edipim produziu «Vila Faia», uma história sobre uma família abastada produtora de vinho, escrita por Odette de Saint-Maurice e realizada por Nuno Teixeira.

O enredo foi adaptado por Francisco Nicholson e João Alves da Costa, sendo a novela protagonizada por um conjunto de nomes sonantes e outros estreantes, como Mariana Rey Monteiro, Ruy de Carvalho, Margarida Carpinteiro, Ana Zanatti, Luís Esparteiro, Curado Ribeiro, João Perry, Varela Silva e Nicolau Breyner. Naquela altura, Nicolau Breyner tinha 42 anos e ficou com o papel do camionista «João Godunha» e encarregado da direção de atores.

Hoje, passados trinta anos, o ator, produtor, apresentador e realizador de cinema recorda-se de um tempo em que tudo estava a ser feito pela primeira vez: «Ninguém sabia nada daquilo. Era tudo novíssimo, foi uma aventura lindíssima. Recordo-me de estarmos numa garagem da Edipim a fazer os castings. Foram milhares a querer participar», disse Nicolau Breyner à agência Lusa. E, na época, a crítica não foi favorável à telenovela: «Claro, estavam habituados às produções brasileiras e os críticos tentaram deitar aquilo abaixo, mas não conseguiram, porque tivemos índices de audiência espantosos», recordou Nicolau. O sucesso da telenovela impulsionou a produção de outras novelas nos anos seguintes, na RTP, como «Chuva na Areia» (1985), «Palavras Cruzadas» (1987) e na TVI, «Telhados de Vidro» (1994).

«Vila Faia» foi reposta, por várias vezes, na RTP e, para assinalar os 25 anos da estreia da novela, foi feito um remake. Essa versão atualizada de «Vila Faia», estreada em 2008, contou com realização de Duarte Teixeira (filho de Nuno Teixeira) e de Sérgio Graciano; o guião ficou a cargo da Scriptmakers (sendo a novela escrita por Joana Jorge e Alexandre Castro, com a supervisão de texto de Rui Vilhena) e foi produzida pela SP Televisão. Do elenco do remake fizeram parte Albano Jerónimo, Inês Castel-Branco, Simone de Oliveira, Virgílo Castelo e Suzana Borges, entre outros.

  • Mbento28

    Telhados de Vidro era da tvi, não da rtp… Foi aliás a primeira novela portuguesa de um canal privado, que curiosamente falhou em toda a linha muito por culpa da pouca popularidade da tvi no seu inicio… e passados 10 anos revolucionou a tv portuguesa com novelas… coisas estranhas deste mundo.

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close