RTP

Última Hora: Privatização da RTP adiada

ultima hora

ultima hora

O motivo desta decisão do governo prende-se com as fracas perspetivas de crescimento do mercado publicitário, que está em crise há vários anos.

A decisão foi tomada no conselho de ministros de hoje, em que o governo decidiu congelar a privatização da RTP até “que haja melhores condições de mercado”, dizia a peça transmitida logo no início do «Telejornal» de hoje. Miguel Relvas, convidado de José Rodrigues dos Santos, disse que “a proposta mantém-se, mas aguarda por melhoras do mercado”. Sobre o modelo de privatização pretendido, Relvas garantiu que sempre foi a de alienação de um dos canais em sinal aberto.

O ministro adjunto e dos assuntos parlamentares confirmou ainda o fim da indemnização compensatória a partir de 2014, que a RTP irá “viver apenas da taxa audiovisual”, e que irá arrancar um processo de reestruturação no valor de 42 milhões de euros, que levará a despedimentos, ainda que sem concretizar números. Foram anunciados ainda  investimentos em tecnologia e nos canais internacionais, que atualmente estão “subaproveitados”, disse o ministro.

O adiamento da privatização já havia sido pedido por Pinto Balsemão, CEO da Impresa, dona da SIC, que criticou o momento em que o governo pretendia fazer a operação. A mesma posição assumiu a Media Capital, dona da TVI, pela voz de Rosa Cullel.

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close