RTP

Trabalhadores da RTP do Porto apreensivos quanto ao futuro

RTP_3D

RTP_3DA Subcomissão de Trabalhadores da RTP do Porto mostrou-se, hoje, apreensiva em relação ao futuro. A Subcomissão lamentou que as «promessas» da administração não se tenham concretizado, quando a empresa adiantou que iria manter-se o Centro de Produção do Norte.

No comunicado intitulado «Promessas de inverno, amores de verão», segundo revela o jornal Destak, os trabalhadores da RTP do Porto lembraram que, aquando a transferência da produção do programa Praça da Alegria para Lisboa, a administração da estação pública fez «uma série de promessas», entre as quais que «a produção própria para a RTP2 seria integralmente assegurada a partir do Porto». Segundo a Subcomissão de Trabalhadores, atualmente, essa produção encontra-se «entre o quase nada e o muito pouco».

«Todos os sinais que nos surgem se afirmam no exato sentido contrário das promessas, mesmo das reafirmadas em reuniões e encontros mais recentes. Sabemos que a hora de decisões importantes está a chegar. Mas não contem connosco para sermos apanhados na curva», sublinhou a Subcomissão de Trabalhadores, que acusa a empresa de recorrer a empresas externas para a produção de vários programas.

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close