RTP

RTP fatura publicidade de março com base nas audiências da GfK

A estação pública comunicou aos anunciantes que a publicidade de março será faturada com base nas audiências da GfK, apesar das críticas do canal nos principais espaços noticiosos da estação.

Na carta escrita, a RTP refere que reserva-se o direito de fazer acertos nos valores no futuro se se encontrar “uma solução mais credível” e “consensualizada no mercado”.

Ainda de acordo com a mesma carta, a RTP refere que ainda não tomou “uma posição inequívoca no sentido de rejeitar, em absoluto, os dados fornecidos ao abrigo do novo sistema”, explicando que tal se deve à “possibilidade encontrar uma solução consensual em sede de auto-regulação”.

Recorde-se que num curto espaço de horas esta é a segunda tomada de posição que parece querer valorizar a auditoria externa que será feito ao novo sistema de audiências em Portugal.

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close