RTP

“Portugueses pelo Mundo” em São Tomé, amanhã, na RTP1

Portugueses pelo Mundo

“Portugueses pelo Mundo” viajou até São Tomé, um paraíso tropical onde nos encontramos permanentemente rodeados do verde da vegetação e do azul do mar. Seguimos o cheiro do café e do cacau e percorremos as duas ilhas para revelar o segredo de quem vive daquilo que a terra oferece.

Ânia Soares, Dietista, 24 anos, natural de Lagos. 
Na pista do aeroporto de São Tomé assistimos à aterragem do avião que traz a nossa convidada de Lisboa e é no meio deste reencontro emocionado que ficamos a conhecer a sua história. Na Fundação da Criança e da Juventude, reencontramos a Ânia e acompanhamos uma das suas aulas, antes de irmos numa carrinha de caixa aberta para uma cascata de Bombaim com as crianças, numa atividade promovida pela fundação. Despedimo-nos da Ânia numa festa na discoteca do DJ Cabelo, não sem antes parar numa banca de búzios.

Pedro Nazaré, Administrador IDF, 35 anos, natural de Leiria. 
Num dos antigos pontões da baía Ana Chaves encontramos o Pedro à conversa com os pescadores. Seguimos para a Praça da Independência, atualmente mais cuidada, onde falamos dos eventos mais importantes, dos edifícios emblemáticos e ficamos a conhecer o mercado municipal. Vamos com o Pedro conhecer a escola onde trabalha e tentar perceber as diferenças desta e do currículo escolar público. Seguimos para a roça Agostinho Neto, onde as novas gerações ainda vivem, embora exercendo atividades diferentes. Despedimo-nos do Pedro no Espaço Cacau, um local de promoção da cultura do país.

Mané Fernandes, Gestor de projeto, 28 anos, natural de Lisboa. 
Conhecemos o Mané a sair da água em Santana. De seguida, apresenta-nos a vila e conta-nos que o surf é o refúgio para o seu dia de trabalho. Reencontramos o Mané no ilhéu das Rolas, exatamente na linha do equador e seguimos para Angolares onde o acompanhamos num almoço entre amigos portugueses. A próxima paragem é no Bom Sucesso, onde o Mané se encontra com a Mariana, uma bióloga que nos apresenta algumas das espécies autóctones de São Tomé. Continuamos o passeio e vamos até Monte Café, uma conhecida roça, um ex-líbris do país e uma das preferidas do Mané.

Rogério Ferreira, Biólogo Marinho, 35 anos, natural de Anadia. 
Conhecemos o nosso convidado dentro de água com um polvo acabado de pescar. Dá-nos as boas-vindas ao Príncipe, uma ilha com cerca de 50 praias. De seguida, observamos de perto o seu trabalho de caracterização das tartarugas à volta da ilha. Saímos do barco para conhecer uma das comunidades piscatórias isoladas, a Praia da Lapa. Vamos ao pequeno café da aldeia, onde provamos o vinho da palma. Vamos visitar o local onde o Rogério está a construir a sua futura casa, num terreno cedido por um agricultor cabo-verdiano que também ficamos a conhecer. Vamos terminar a história do Rogério numa festa improvisada, com fogueira e cantorias.

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close