RTP

Série «Os Filhos do Rock» perde para o intervalo comercial da TVI e da SIC

os filhos do rock

Depois de ter estreado recentemente a série Uma Família Açoriana, a RTP volta apostar na ficção nacional para as noites de domingo. Uma vez mais, a estação pública produziu uma série histórica desta vez protagonizada por Dalila Carmo, a mesma atriz que está de regresso à ficção da TVI com O Beijo do Escorpião que tem estreia marcada para janeiro de 2014.

Sem «ameaçar» as privadas, Os Filhos do Rock foi sempre a terceira escolha dos portugueses. Fruto dos 3,8% de rating e 7,4% de share, o primeiro episódio da série que retrata a sociedade portuguesa dos anos 80 foi vista por 371 mil telespectadores. Muito acima ficaram a TVI e a SIC que alternaram a liderança uma com a outra durante os 48 minutos que durou o episódio.

Transmitido a partir das 21h05, a série lutou com o fim do Jornal das 8 e o intervalo comercial da TVI tendo a liderança depois passado para a SIC quando esta arrancou com a segunda gala em direto de Factor X.

 

7
Deixe um comentário

avatar
2 Comment threads
5 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
3 Comment authors
paulo pintoHugo SantoslorZ Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
lorZ
Visitante

Não me surpreende. Somos poucos, mas somos bons!

Hugo Santos
Visitante
Hugo Santos

Excelente série. Não percebo porque insistem em dar estas grandes produções portuguesas à mesma hora dos pesos pesados da Sic/TVI. Deve ser para verem se tem record negativo de audiência. É um erro crasso dar ao Domingo..,

lorZ
Visitante

É uma alternativa para quem não gosta desses «pesos pesados».

Além disso, há quem deixe o episódio a gravar na box para ver mais tarde e, também, quem aguarde que a RTP faça o upload do episódio para ver na internet.

Hugo Santos
Visitante
Hugo Santos

Mas ao dar noutro dia via mais gente, garantidamente.

paulo pinto
Visitante
paulo pinto

Excelente série??, das duas uma ou não és da geração de 80 ou és cromo.
Esta série não tem pés nem cabeça, depois dos exitos “Conta-me como foi” e “Depois do adeus”, esperava-se algo que nos fizesse relembrar o universo Rock dos 80; “Dramático de Cascais”, “2001” as “festas” a “droga” etc etc, mas afinal como se constatou não passa duma história sem interesse com passagens pelo Rock Rendez Vouz que estreava bandas mediocres e que aliás estava quase sempre ás moscas.
Grande banhada.

Hugo Santos
Visitante
Hugo Santos

Nasci em 1980. E sim, pareceu-me excelente sim… Podia ter ido mais além, mas está bem conseguida.

paulo pinto
Visitante
paulo pinto

Se nasceste em 80 não fazes a mais pequena ideia do que foram os 80 e mesmo nos 90 viveste já os finais.

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close