RTP

O terceiro episódio de “Príncipes do Nada” em fotografias

É já amanhã que vai para o ar o terceiro episódio da terceira temporada do programa apresentado por Catarina Furtado. E, neste terceiro capítulo vai poder ver muitas histórias que lhe vão tocar no coração.

O programa começa com o testemunho do português António Nunes, no Sudão do Sul. Este irmão comboniano é enfermeiro e conhece bem os desafios daquele que é considerado o pior sistema de saúde do mundo. De visita ao Hospital Pediátrico de Juba, Catarina Furtado apresenta a história da pequena Verónica, uma das muitas crianças que sofrem com a sua própria vida a falta de recursos e de informação sobre cuidados de saúde. Uma em cada quatro crianças perde a vida antes de chegar aos cinco anos.

De seguida, avança com a primeira história, desta terceira série, feita em Portugal. O Conselho Português para os Refugiados é uma organização não-governamental que acolhe os requerentes de asilo e promove a integração dos refugiados no nosso País. Aqui, ficamos a compreender melhor o que é ser refugiado, o que é ter de fugir de um país para sobreviver, sem opção de escolher o destino de asilo. Umaru, com apenas 12 anos, sabe o que é a guerra e o que é fugir com a roupa do corpo para salvar a vida. No CPR encontrou segurança e pessoas que cuidam dele. Ser refugiado está considerado na Declaração Universal dos Direitos Humanos.

Fique com algumas das imagens que vai poder ver amanhã, a partir das 21 horas, na RTP 1:

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close