Cabo RTP

Nuno Santos e o futuro da RTP N

nuno santos

Embora seja líder na informação da RTP generalista, no cabo, a estação pública continua a não conseguir levar a melhor sobre a SIC Notícias. Há alguns anos no ar, a RTP N continua sem ser a preferência dos portugueses. Numa altura em que passa a ser dirigida por Nuno Santos, parece que sofrerá uma nova remodelação. É o próprio quem o admite à Notícias TV desta semana:

“Não tenho ainda uma resposta para essa pergunta (porque é que a RTP falhou com a RTP N). Mas tenho um projecto”, começa por dizer o jornalista, acrescentando em seguida: “Acho que a N não atingiu os objectivos que devia ter atingido. Não é hoje suficientemente forte, não marca a agenda no âmbito dos canais do cabo e já o disse à equipa. Isso não significa que não tenha programas bem conseguidos, óptimos momentos e até, em várias circunstâncias, não faça melhor do                 que a concorrência, como aconteceu, por exemplo, nos protestos da geração à rasca. Mas a percepção que geral é de que a RTP não conseguiu impor a RTP N”.

Apesar de tudo, o novo responsável pela informação do canal do estado acredita que não se deve acabar com a RTP N: “Se há uma área em que o operador público deve estar no cabo e nas novas plataformas é na Informação. Como acontece em Inglaterra, em França, em quase todos os países da União Europeia. Nós podemos discutir tudo o resto, menos a Informação. Um canal de notícias no âmbito do serviço público de televisão pode ter uma grande importância sobretudo para a génese das antenas internacionais. O que todos os estudos mostram é que os portugueses que vivem no estrangeiro, na essência, duas coisas: informação e desporto”, concluiu.

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close