RTP

Moita Flores escreve nova série policial para a RTP

moita-flores

moita-flores
Ainda a aguardar a estreia da série policial da TVI, O Bairro, estrelado por Maria João Bastos , Virgílio Castelo e Paulo Pires que a estação de Queluz de Baixo ainda não promove, Francisco Moita Flores, autor da trama já prepara a sua próxima série.

O antigo investigador da Polícia Judiciária será o criador de uma história para a estação pública  que vai chamar-se Sétima Divisão e deverá arrancar no próximo verão. Com a chancela da Plural, produtora da Media Capital, empresa que detém os direitos da TVI, o formato será constituído por 80 capítulos, o mesmo número que compõe a série da RTP Sinais de Vida, ainda em exibição na estação pública.

«A série vai tratar de temas sociais a partir de uma esquadra de polícia»,contou o comentador do programa Rua Segura da CMTV. «Estão escritos apenas 15 episódios, e lá para junho o formato deverá entrar em fase de pré-produção», esclarece à Correio TV, o escritor  que ainda trabalha como consultor na novela da TVI, Mundo ao Contrário que estreia dia 14 de abril nos ecrãs do quarto canal.

  • jorge sousa

    E o que é feito daquela que ele escreveu para a TVI? Há tanto tempo que se falou nessa série e nunca mais foi transmitida…

  • Aldegundes

    Acho bem que a rtp aposte em series alargadas,como é o caso de Sinais de Vida,em vez de novelas com a duração de 1 ano ou mais.Para isso já chega e sobra a tvi e a sic.
    Fico curioso em relação a esta serie do Moita Flores.

  • És tu?

    Bahh, sempre no ridículo, em vez de começar-se a fazer-se como lá fora com episódios por temporada e com uma história decente, metem-se com estas porcarias, a diferença para a novela é só que é metade dos episódios e isto só vai ser policial. Vão ser a maioria dos episódios enfadonhos, mas também só vê quem quer.
    Vai ser tão banal a série, polícias e criminosos. Onde andam os guionistas com ideias?

  • Pingback: Plural quer aumentar parcerias com a RTP | A Televisão()

  • Pingback: Estreia de «7ª Esquadra» adiada por falta de meios financeiros | A Televisão()

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close