RTP

Luís Andrade contra privatização da RTP

Passou quase meio século da sua vida dedicado à televisão pública, estando atualmente na reforma, no entanto, numa altura em que a privatização da RTP se prepara para acontecer, Luís Andrade faz questão de deixar a sua opinião sobre o tema, em entrevista à Nova Gente desta semana.

“Esta história da privatização deixa-me um pouco preocupado. Não sou nada a favor! Não há país nenhum no Mundo que não tenha um serviço público na televisão e na rádio. Eu percebo os tempos de crise, percebo que tenha de se vender uns canais ou reduzir pessoal, mas privatizar não é a solução e eu espero que o nosso primeiro-ministro entenda isso”, começa por afirmar.

Ainda assim, o pai do atual diretor de programas do canal do estado defende que a RTP devia apostar ainda mais no serviço público: “No meu tempo, fazíamos coisas que hoje já não fazem sentido, como a tele-escola, por exemplo. Mas a RTP não pode ir atrás das privadas e dar ao público o que eles querem ver. A missão de um canal privado é gerar receitas e ter audiências. O serviço público é só mesmo isso: servir as pessoas, educar e promover a cultura. Se não ganhar as audiências, paciência. Essa guerra não é nossa”, finalisou aquele que ainda é conhecido por muitos como um dos impulsionadores da televisão em Portugal.

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close