RTP

Jornalistas da RTP reagem à hipótese de concessão

logo rtp

Conhecida a deliberação do governo em fechar a RTP2 e concessionar os restantes canais estatais – rádio e televisão -, informações confirmadas por António Borges em entrevista a Judite Sousa no «Jornal das 8», surgem agora as primeiras reações dos jornalistas da RTP, os mais indignados com esta decisão.

João Fernando Ramos, apresentador do «Jornal da Tarde», escreveu no seu perfil pessoal do Facebook que este conjunto de decisões “É o fim do serviço publico de televisão em Portugal, anunciado pelo Sol e também confirmado por António Borges.  Afinal a promessa de reforçar o serviço público era isto… Estou chocado com a falta de estratégia num setor vital para a democracia em Portugal, e o fim da RTP, mas devo ser só eu…”, declara, revoltado.

Também a jornalista Rita Marrafa de Carvalho comentou na sua página da rede social o facto de o despedimento de trabalhadores ser cada vez mais certo. “O que me preocupa quando se fala da RTP é a falta de memória e de transparência. Uma vez mais, são os trabalhadores os grandes penalizados.”.

Para além destas reações, são várias as caras da RTP que, no seu Facebook, utilizam a fotografia aqui publicada como forma de indignação ao fim do serviço público.

  • O que se vai fazer é um atentado à televisão em Portugal. Este é o princípio do fim da televisão gratuita, daqui a uns anos, quem quiser ver TV que pague aos serviços de cabo.

  • JVC

    Já muita gente tem serviço de cabo, os canais de sinal aberto são para uma minoria da população. Ainda por cima a PT fez de tudo para que a TDT falhasse, assim muita gente aderiu tanto á ZON como ao MEO.

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close