RTP

Diamantina desiludida com a RTP

diamantina

diamantina

Diamantina, que se manteve na RTP durante três anos e meio, demonstra-se triste com a direção de Programas da estação pública. «Neste momento, tenho uma filha para criar e cortaram-nos as pernas sem nos prepararem», diz à TV Guia.

A apresentadora confessa à revista que, de um dia para o outro, ficou sem saber o que fazer: «Aliás, tive de ser eu a marcar uma reunião com o Hugo Andrade para saber o que se estava a passar, pois só fomos avisados pela produção do programa que ‘Portugal sem Fronteiras’ ia terminar. Foi muito deselegante». Diamantina Rodrigues, que já foi professora de Matemática no ensino básico, faz agora planos para o futuro, até porque tem uma filha de quase um ano. «Vou continuar a cantar e talvez volte a dar aulas. Graças a Deus, a Teresa tem um suporte familiar», explica, triste com a decisão da RTP.

«Percebo que não há lugar para mim na RTP, mas investi numa carreira durante este tempo todo. É verdade que eles nunca me prometeram nada, até porque eu estava numa situação precária, mas nunca estamos à espera», conclui a apresentadora.

  • super

    E ela bem que merece melhor. É uma excelente comunicadora e apresentadora. No “Portugal Sem Fronteiras” estava irrepreensível. Uma pena que não apostem nela. Só perdem!

  • Rui

    Não era nada de especial… Há gente que está a trabalhar na TV mais do que 3 anos e vai de vela! Sempre pode concorrer em Abril ao concurso nacional de professores.

/* ]]> */